Campanhas Adwords Mais Direcionadas – 3 Dicas Para Criar

Muito se fala que as campanhas Adwords trazem resultados imensuravelmente poderosos, principalmente, quando o ponto analisado é a qualidade do tráfego captado e a velocidade do retorno.

Esse é um fato, realmente, incontestável, mas há ressalvas se analisarmos alguns pontos em específico.

Por exemplo, muito pouco se aborda quais são os métodos para atrair esse tráfego de nível de qualidade incontestável e elevadíssimo.

Muitas vezes, nem se sabe que existem técnicas específicas para tal. Se você for analisar de modo básico, irá encontrar simplesmente a seguinte especificação: Utilize as configurações de segmentação das campanhas Adwords.

 

Campanhas Adwords Mais Direcionadas – 3 Dicas Para Criar..

 

O problema está justamente nesse ponto. Se você nunca utilizou esse recurso, como configurar a segmentação de forma assertiva e ter campanhas mais direcionadas ao seu público alvo?

Bem, entendendo que isso pode tornar a sua experiência complicada e comprometer seus resultados, hoje quero lhe oferecer 3 dicas para criar campanhas Adwords mais direcionadas.

Certamente, elas irão te ajudar a atrair resultados melhores a partir da atração do público correto para o seu negócio.

Vamos lá?

Campanhas Adwords – Dica #1 Crie Uma Estratégia de Palavras-Chave

Antes de qualquer coisa, faça um planejamento de palavras-chave de acordo com o objetivo do seu projeto.

Se você conhece um pouco sobre SEO, irá entender perfeitamente a importância desse ato.

As palavras-chave são extremamente importantes para que você atinja o objetivo pretendido pelas suas campanhas Adwords. São por meio delas que o Google avalia se o seu anúncio deve ou não aparecer no resultado de busca feita pelo usuário.

Ou seja, as suas palavras-chaves contarão para o Google do que se tratam os seus anúncios e se automaticamente ele tem capacidade de responder a pergunta que o usuário fez quando realizou a busca.

Por exemplo:

  • Vamos imaginar que você tenha um site de viagens.
  • Os seus anúncios são para atrair interesse para determinados destinos.
  • O objetivo da sua campanha é realizar vendas de pacotes turísticos.

Com base nessas determinações você deve pré-definir as palavras-chaves que são capazes de atingir esse público em específico.

 

Campanhas Adwords Mais Direcionadas – 3 Dicas Para Criar

 

Para escolher boas palavras-chave, coloque-se no lugar do seu público alvo, utilize ferramentas de pesquisa de termos, como a Keyword Tools, disponibilizada gratuitamente pela plataforma Adwords.

Essa primeira atitude é muito importante, pois ela tem a capacidade de tornar as suas campanhas Adwords mais direcionadas.

Campanhas Adwords Mais Direcionadas – #2 Atenção na Regionalidade

Uma campanha bem estruturada e bem direcionada é aquela que se adéqua aos interesses do público alvo ao qual ela se destina.

Você pode dizer:

  • “Ah, Tiago! Os meus anúncios podem interessar aos mais variados públicos”.

Calma, se você pensa assim, poderá estar cometendo um erro enorme, gastando verba e tempo em algo que pode acabar com os seus resultados.

Atração de público alvo é muito importante, mas você deve se atentar a atrair o público certo, aquele que clica no seu anúncio com a possível intenção de executar a ação de conversão.

Atrair curiosos sem intenção de consumo só vai fazer a sua taxa de rejeição aumentar, seu índice de qualidade cair e o seu ROI ser quase zero.

Para evitar esse tipo de transtorno, você precisa ter atenção máxima na regionalidade.

O que isso quer dizer? Simples! Tenha todas as informações possíveis referentes ao seu público alvo. Desde idade, até a localização deles.

Cada característica poderá lhe revelar informações sobre o que tem o poder de converter mais para um público em especial.

Por exemplo:

  • Vamos imaginar que você descobriu que o seu público alvo é majoritariamente de São Paulo.
  • A partir disso, você saberá que anúncios para viajar para São Paulo, conhecer o MASP, não irão converter. Não é verdade?

Nesse caso, o interessante seria criar anúncios sobre destinos litorâneos, como as praias do nordeste.

Campanhas Adwords Mais Direcionadas – Dica #3 Opções de Anúncios

Você precisa entender que diferentemente do que muita gente pensa, em meio ao seu público alvo, você encontrará perfis de interesse diferentes.

O que eu quero dizer é que não é porque o seu público alvo se interessa por viagens, que todos eles têm o interesse de conhecer o nordeste.

 

Campanhas Adwords Mais Direcionadas – 3 Dicas Para Criar.

 

Alguns nem vão gostar de calor, preferindo destinos Internacionais para ver neve.

Essa compreensão é importante para que você consiga criar campanhas Adwords mais direcionadas.

Você deve estar pensando:

  • “O que eu vou fazer agora? Crio uns anúncios e faço testes?”.

Olha, até que não é uma má ideia, principalmente, se você não conhece nada sobre o seu público, mas por outro lado essa ação pode fazer com que você gaste muito e tenha pouco retorno.

O melhor a se fazer nesses casos é estudar seu público alvo, antes de fazer a campanha.

Com base nas características apresentadas, criar algumas opções de anúncios diferenciadas e junto a isso acionar o remarketing.

Após o estudo de público alvo, você utilizará algumas configurações de segmentação, restringindo determinados anúncios a um grupo de interesse, tudo isso para chegar mais próximo ao que o usuário procura.

Por exemplo:

  • Para o público de SP, não mostrar anúncios de pacotes turísticos para SP. (segmentação de localidade)
  • Para pessoas de 25 a 30 anos que trabalham CLT, os anúncios devem ser exibidos em horários determinados, uma vez que elas acessam a internet somente em um período. (Segmentação por tempo).
  • Para moradores da região nordeste do país, que buscam por destinos para lua de mel, mostrar anúncios de destinos românticos. (Segmentação por interesse).

Entre outros.

Ah, o Remarketing! Ele fará por você essa “seleção” de exibição. Como a campanha de remarketing só será exibida para usuários que já tiveram um primeiro contato com as suas campanhas, ela detectará o que o usuário demonstrou interesse no primeiro momento.

A partir dessa detecção, exibirá anúncios que tenham ligação com o interesse do usuário. Por exemplo:

  • Vamos imaginar que o usuário tenha clicado no seu anúncio para destinos de lua de mel, mas ele não converteu, simplesmente foi embora.
  • Então o seu remarketing poderá exibir anúncios de destinos românticos específicos, como Paris.

Além disso, você pode criar anúncios especiais, oferecendo descontos capazes de incentivar a conversão.

Pronto! Agora é com você. Ficou com alguma dúvida? Então entre em contato comigo, será um prazer poder lhe ajudar a solucioná-la.

Desejo-lhe sucesso sempre, a gente se vê por aí!

Forte Abraço.

7 Dicas Para Ter Uma Tonelada de Tráfego em Seu Site

Atrair tráfego está sempre entre os objetivos de qualquer tipo de negócio que atua no mercado digital.

Isso acontece porque ter tráfego, principalmente, qualificado é sinal de aumento de conversões e consequentemente faturamento.

O problema, nesses casos, é que nem sempre é fácil de reinventar e continuar aumentar o volume de captação de tráfego ao longo do tempo.

Começar com altos volumes de visitas, não é garantia de que no futuro isso, ao menos se mantenha.

É por isso, que hoje, eu quero lhe entregar 7 dicas para ter uma tonelada de tráfego em seu site.

 

7 Dicas Para Ter Uma Tonelada de Tráfego em Seu Site. (640x426)

 

Tenha certeza que cada dica que eu vou entregar a você tem a capacidade de lhe trazer visitas recorrentes, além de atrair novos interessados a curto, médio e longo prazo.

Vamos começar?

 

Dica #1 – Aposte nos Links Patrocinados

Obviamente, eu não poderia deixar de falar dos links patrocinados, não é verdade?

Bem, quando se trata de tráfego, os links patrocinados é uma excelente ferramenta para atingir o objetivo.

O interessante é que nessa opção você tem ao seu lado duas características extremamente poderosas.

Isso quer dizer, a possibilidade de encontrar tráfego de altíssima qualidade através das campanhas segmentadas e o melhor, em curto prazo.

Para começar atrair tráfego de qualidade com as plataformas de links patrocinados como o Adwords, basta que você comece a anunciar.

Obviamente, você terá que fazer anúncios muito bem feitos, com qualidade do começo ao fim. Desde a escolha das palavras-chaves até as configurações de segmentação da campanha.

 

Dica #2 – Crie Conteúdos de Alta Relevância

Você já deve estar cansado de saber que o conteúdo é Rei e que ele funciona como base de todo o processo de classificação dos motores de buscas.

O Google, o maior buscador da atualidade, tem como principal objetivo, melhorar a experiência do usuário ao navegar.

E com isso, olha para os conteúdos com muito cuidado, afinal, o objetivo é que você consiga vender, mas não sem antes ajudar ao usuário.

 

175130389
175130389

 

Por isso, se você quer atrair uma tonelada de tráfego de qualidade para o seu site, aposte nos conteúdos relevantes.

Tenha em mente que a experiência do usuário precisa vir primeiro que qualquer coisa. Então foque em ajudá-lo. Agregue valor, forneça conteúdos relacionados aos interesses de seu alvo, que sane dúvidas e ajude a encontrar o caminho para solucionar dores, realizar sonhos, desejos…

 

Dica #3 – Tenha Consistência

Não adianta, você pode oferecer o melhor conteúdo do mundo, fazer campanhas de muita boa qualidade, mas se você não tiver consistência, você irá fracassar em seus objetivos.

Quando falo em consistência, estou me referindo a um ritmo adequado ao seu público alvo e ao seu negócio.

Não adianta saber que o seu público consome 4 conteúdos por semana e você só colocar 1 conteúdo a cada 30 dias.

Se você sabe, se você se propôs a fazer, faça. Crie suas campanhas de acordo com o planejado, entregue os conteúdos como prometido, mantenha a velocidade de implementação…

A consistência é, muitas vezes, a responsável por entregar resultados positivos aos negócios.

 

Dica #4 – Crie Relacionamentos Sérios nas Redes Sociais

As redes sociais há muito tempo já não é uma simples plataforma de entretenimento.

Ela representa uma ótima oportunidade para os negócios atraírem cada vez mais interessados em suas ofertas.

Por isso, utilize-as para criar relacionamentos sérios com o seu público alvo. Crie uma comunidade em torno do seu negócio e verá que o seu alcance aumentará absolutamente.

Esse tipo de plataforma possibilita que você se aproxime e se conecte com o seu público mais facilmente. Abrindo um canal de comunicação importante para que você seja mais assertivo em todas as etapas do seu negócio.

 

7 Dicas Para Ter Uma Tonelada de Tráfego em Seu Site

 

Dica #5 – Entenda Seu Cliente em Potencial

Se você quer ter uma tonelada de tráfego em seu site, você obrigatoriamente irá precisar entender o seu cliente em potencial.

Você pode dizer: “Ah, Tiago… Eu já atraio muitas visitas para o meu site, mesmo sem saber quem é o meu público!”.

Aí é que está o X da questão. Você nem sabe se o tráfego que atrai é realmente de qualidade ou somente curiosos que caíram em seu site por acaso.

Quando digo que você precisa entender seu cliente em potencial para atrair tráfego, eu me refiro ao tráfego qualificado.

Por isso, se esforce em analisar métricas, em descobrir quem são os verdadeiros interessados pelo que você oferece.

Trace sua persona, entenda quais são suas principais dores, desejos, necessidades, sonhos, dificuldades, padrão de consumo em geral.

Com essas informações será possível criar campanhas e materiais mais focados, estar presente nas redes em que eles estão mais ativos e suscetíveis ao consumo, dentre outras coisas importantes para ter um direcionamento mais assertivo.

 

Dica #6 – Utilize o Email Marketing

Muita gente acredita que utilizar o Email Marketing é uma estratégia batida e ultrapassada e esse é um erro tremendo que pode estar custando uma tonelada de tráfego para o seu site.

Comprovadamente, o Email Marketing é um dos meios que mais trazem resultados positivos aos negócios.

Por isso, não deixe de utilizá-lo. Com ele é possível estreitar relações com seu público, além de trazer novos interessados através do engajamento, doutrinação, gatilhos mentais, entre outras técnicas.

 

Dica #7 – Crie Iscas Digitais de Alto Valor

Uma das técnicas mais interessantes quando o assunto é atrair tráfego é utilizar as iscas digitais de alto valor.

Se você não sabe, as iscas digitais são materiais de alta relevância feitos para chamar a atenção do interessado.

Essas iscas podem ser e-books, acesso vip, infográficos, conteúdos especiais, entre outras coisas que entregue valor ao usuário, mas atenção, eles são oferecidos de maneira gratuita.

São chamadas assim, porque para que o usuário tenha acesso a elas, é preciso realizar um pequeno cadastro antes.

O que isso quer dizer? Que ao captar o interesse através de um desses materiais gratuitos, você automaticamente recebe os dados de contato de um lead, que poderá futuramente se tornar um cliente.

Ficou com alguma dúvida? Então entre em contato comigo através dos comentários abaixo ou pelas redes sociais. Terei enorme prazer em lhe atendê-lo.

Desejo-lhe sucesso sempre, a gente se vê por aí!

Forte Abraço.

Como o Adwords Vê o Conteúdo de Baixo Valor?

Muitas vezes tive a oportunidade de dizer o quanto o conteúdo relevante é importante para os negócios digitais em geral.

Hoje, mais uma vez, quero falar sobre esse assunto, mas de uma forma um tanto quanto diferenciada.

Eu te pergunto:

  • Você já parou para pensar como o Adwords vê o conteúdo de baixo valor?

Bem, se você nunca tinha parado para pensar sobre esse aspecto, eu lhe convido a conferir esse conteúdo.

Primeiramente, você precisa saber que essa questão está descrita no manual de políticas do Adwords, prevista como um tipo de abuso da de rede de anúncios.

Não achou que era tão sério, não é? Então fique atento a todas as informações a seguir.

 

Como o Adwords Vê o Conteúdo de Baixo Valor.

 

O que São Conteúdos de Baixo Valor Para o Adwords?

Se você trabalha com campanhas Adwords, deve ter noção de que a maioria das proibições e restrições da plataforma visa entregar a melhor experiência para o usuário.

E isso não é diferente quando o assunto são os conteúdos. Segundo o próprio Google, fornecer conteúdos de baixo valor ao usuário é uma grave tentativa de burlar os mecanismos de classificação de qualidade da plataforma. E tal ato é passível de punições sérias.

Você deve estar se perguntando nesse momento:

  • “Afinal, o que o Google Adwords classifica como conteúdos de baixo valor?”.

Certo?

Calma, eu vou lhe mostrar de forma clara o que você tanto quer saber. Olha só, os conteúdos de baixo valor, na visão do Adwords, são:

  • Conteúdo Produzido Especialmente Para Veicular Anúncios:

Ficou assustado, não é? Fique calmo, vou esclarecer melhor essa história. Produzir conteúdos para melhorar a experiência do usuário quanto ao seu anúncio não é só permitido, quanto é indicado.

O que é visto com maus olhos são os conteúdos produzidos especialmente para direcionar o usuário a uma página que contenha em grande maioria anúncios.

Sabe aqueles sites impossíveis de navegar, pela quantidade de publicidade que a página contém? Esse é um exemplo claro do que não fazer.

  • Conteúdos Copiados:

Você já deve saber que conteúdos não originais são muito ruins na visão do Google, não é?

Bem, o que você talvez não saiba é que utilizar o mesmo conteúdo para várias plataformas, mesmo que ele seja seu, também é visto como conteúdo de baixo valor.

Isso porque você precisa priorizar a experiência do usuário e ficar apenas repetindo o mesmo conteúdo empobrece essa experiência.

 

Como o Adwords Vê o Conteúdo de Baixo Valor

 

O ideal é que ao disponibilizar um conteúdo, você entregue originalidade e exclusividade, ou seja, é sua obrigação oferecer materiais únicos e originais.

O mínimo que você deve fazer, caso seja muito necessário replicar um material é fazer isso acrescentando informações inéditas e originais.

  • Conteúdos Para Enganar o Usuário:

Esse é o tipo de conteúdo de baixo valor mais óbvio, mas é importante esclarecer alguns pontos que podem causar dúvidas.

Por exemplo, se você criar um conteúdo com a intenção de levar o usuário a outro ambiente, sem deixar claro para onde ele está indo, seu conteúdo será classificado como de baixo valor.

Elaborar um material com a intenção de levar o usuário ao erro é mais um exemplo claro de conteúdo de baixo valor.

Espero que tenha ficado fácil de entender quais são os critérios utilizados pelo Google Adwords nessa questão.

Claro, por mais que tentemos, nem sempre é simples conhecer e se manter dentro de todas as políticas do Google.

Por isso, pode ser que você tenha sido punido de alguma forma por conta de conteúdo de baixo valor e talvez você esteja aqui, exatamente, por esse motivo.

Então, quero te mostrar a seguir como fazer para tentar sair dessa situação.

Vamos lá?

Punido Pelo Adwords Por Conteúdo de Baixo Valor?

Você deve estar meio perdido nesse momento, buscando alternativas para livrar o seu site dessa punição.

Então, fique calmo, existem maneiras de voltar a operar a todo vapor, mas é importante ressaltar que pode levar um tempo até que tudo se normalize.

A primeira coisa que você precisa fazer é analisar o seu site em busca de torná-lo um local de alta qualidade de navegação para o seu tráfego.

Exclua todo e qualquer tipo de conteúdo que utilize uma espécie de tentativa de enganar o usuário ou obrigá-lo a clicar em seus anúncios.

Retire todos os conteúdos que estejam copiados, troque-os por materiais originais e de alta qualidade.

 

Como o Adwords Vê o Conteúdo de Baixo Valor..

 

Como eu lhe disse, excesso de publicidade pode ser o motivo da punição, portanto se for o caso, diminua o volume de anúncios, coloque-os em espaços que não atrapalhe a experiência do usuário quanto aos conteúdos e navegabilidade.

Preste bastante atenção nos resultados de pesquisa interna do seu site, isso também é avaliado pelo Google e se você estiver utilizando como retorno de pesquisa, materiais copiados de outros sites, seu site será visto como um copiador e, consequentemente, um disseminador de conteúdo de baixo valor.

As imagens também são classificadas como conteúdo, por isso, avalie-as e veja se elas não são o alvo da punição. Caso sejam, troque-as.

É importante dizer que as campanhas Adwords podem ser barradas, caso o seu site ofereça conteúdos de baixo valor.

A minha indicação é que você sempre esteja atualizado quanto às políticas do Google Adwords e do Google em geral, pois isso evita uma série de problemas para os seus negócios.

Agora é com você, não deixe de avaliar os seus sites e adequá-los para oferecer a melhor experiência que o usuário pode ter.

Espero que você tenha aproveitado ao máximo cada informação aqui descrita, que esse conteúdo tenha sido de alta relevância para você e que, sobretudo, ele tenha suprido suas expectativas e necessidade quanto ao assunto.

Ficou com alguma dúvida? Então entre em contato comigo através do campo de comentários abaixo ou pelas redes sociais. Terei enorme prazer em lhe ajudar trazendo possíveis soluções para os seus questionamentos.

Volte sempre que quiser ou precisar, tenha certeza que o Mestre do Adwords estará inteiramente de portas abertas para você.

Desejo-lhe sucesso sempre, a gente se vê por aí!

Forte Abraço.

Anúncios Adwords em Vídeo – Google Anuncia o Bumper Ads

Certamente se você já trabalha com anúncios Adwords em vídeo, sabe o tamanho da força que esse formato promove para um negócio, não é verdade?

Fato é que o vídeo marketing tomou conta do mercado, inclusive é um dos modelos de publicidade que mais geram engajamento e interação.

Se você ainda não trabalha com esse tipo de campanha, e só não começou porque não tem certeza do que pode ganhar com esse tipo de ação, sinto lhe dizer que, sem dúvidas, você está perdendo tempo, oportunidades e dinheiro.

É isso mesmo! Se eu posso lhe pedir algo, nesse momento, pediria para que você abrisse a sua mente. Esqueça tudo que você sabe sobre marketing e anúncios online, pois eu quero lhe mostrar alguns dados que podem lhe relevar algumas coisas que você ainda não parou para avaliar.

Vamos lá?

 

Anúncios Adwords em Vídeo – Google Anuncia o Bumper Ads..

 

Anúncios Adwords em Vídeo – Dados Sobre o Vídeo Marketing

Como os dados não mentem, acredito que essa seja uma forma extraordinária de lhe mostrar algumas razões pelas quais você deveria estar investindo em anúncios Adwords em vídeo.

Você pode até já investir, mas talvez não esteja enxergando o tamanho da importância desse tipo de campanha.

Independente do seu caso dê uma olhada nas informações a seguir:

  • Os vídeos tem o poder de aumentar em 6X a sua chance de conversão, quando são utilizados como prova social.

 

  • O Youtube ostenta por mês um bilhão em tráfego.

 

  • Os usuários do Youtube permanecem na plataforma 90% mais se comparados a outros sites.

 

  • Mais da metade dos empresários afirmam ter preferência por materiais audiovisuais.

 

  • Mais da metade dos usuários preferem consultar à vídeos quando estão no processo de decisão de compra.

 

  • Páginas que utilizam vídeos são mais bem ranqueadas no Google.

 

  • No mobile, os usuários consomem 3X mais vídeos.

 

  • Apenas 5% dos usuários das pequenas telas não compartilham vídeos com a sua rede de contato.

 

  • Esse ano, a previsão é de que o número de usuários do Youtube seja duplicado, alcançando por volta de 1,5 bilhão de utilizadores ativos.

 

  • O Youtube é o terceiro site mais acessado do país.

 

  • Os canais do Youtube expandem seu faturamento em 100% ao ano em média.

 

  • O Brasil é responsável por 20% do total de visualizações do Youtube.

 

Por mais impressionantes que esses dados possam parecer isso não é tudo.

Como sempre, o Google não se contenta com coisas boas, ele está sempre em busca de melhorias, ele quer entregar o perfeito até o momento. Até porque o lema principal da empresa é melhorar a experiência para o usuário e isso não inclui simplesmente o consumidor, mas também o anunciante.

Juntando tudo que eu te falei até aqui, você já deve estar montando o quebra-cabeça e sua mente já está lhe alertando:

  • “O que será que o Google aprontou dessa vez?”.

Acertei?

Bem, você está realmente certo e o Google aprontou novamente, mas dessa vez ele se superou.

Como você já deve desconfiar… Vem novidade sobre os anúncios Adwords em vídeo, pois o Google anunciou o Bumper Ads.

Está curioso para saber do que se trata? Eu te conto!

 

Anúncios Adwords em Vídeo – Google Anuncia o Bumper Ads

 

Anúncios Adwords em Vídeo – Melhor Experiência ao Usuário

Como você já sabe, o Google está sempre tentando melhorar o que já é ótimo e dessa vez o foco foi um de seus maiores produtos, o Adwords.

Responsável por 95% do faturamento da empresa, o Adwords vai se tornar ainda mais poderoso e o foco das melhorias será os anúncios Adwords em vídeo.

Segundo pesquisa recente sobre o assunto, 50% dos usuários, enquadrados na faixa etária de 18 a 49 anos, preferem utilizar o mobile para consumirem vídeos.

Um dos pontos importantes descoberto é que essa preferência se mantém, mesmo que o usuário esteja de frente a sua televisão ou próximo ao seu computador.

Isso porque a navegação no Mobile oferece praticidade, o domínio, a boa navegabilidade e facilidade em tornar tudo mais adaptável às necessidades do usuário.

Após essa descoberta, o Google resolveu ir mais a fundo e então buscou melhorar a experiência do usuário com base nas preferências apontadas na pesquisa.

O resultado não poderia ser menor do que espetacular, afinal, estamos falando do Google. Não é verdade?

O nome para a solução encontrada pela empresa é Bumper Ads.

Você deve estar pensando:

  • “Esse Tiago está me enrolando, não fala logo como funciona essa nova solução!”.

Calma, amigo. Eu não estou te enrolando não, a minha intenção é lhe entregar a informação por completo, evitando que fiquem dúvidas pelo caminho, mas chegou o tão esperado momento.

Eu vou te explicar como funciona o Bumper Ads.

Vamos lá!

 

Anúncios Adwords em Vídeo – Como Funciona o Bumper Ads?

Recentemente o Google Anunciou o Bumper Ads, a mais nova solução em anúncios Adwords em vídeo.

Essa solução, basicamente, trata-se de um novo formato que será disponibilizado para os anunciantes que desejam criar campanhas em vídeo.

O Bumper Ads é um anúncio em vídeo com duração de 6 segundos, bem rápido, mas que promete grande impacto.

Segundo o próprio Google, o objetivo desse tipo de marketing é abranger ainda mais o alcance e melhorar a frequência a partir de um vídeo complemento.

Óbvio, o formato tem, principalmente, foco para a captação através do mobile, pois ele oferece a possibilidade de gerar grande impacto em um tempo bastante curto.

 

Anúncios Adwords em Vídeo – Google Anuncia o Bumper Ads.

 

Esse tipo de formato é algo que se enquadra perfeitamente dentro das características de consumo dos usuários das pequenas telas, ou seja, onde vídeos menores conseguem atrair ótimos resultados.

Essa inovação traz, principalmente, a possibilidade de você complementar e segmentar ainda mais as suas campanhas.

Quando falo em complemento, estou falando especificamente sobre os anunciantes que desejam posicionar a sua marca no mercado, lançar promoções, produtos ou serviços, mas possuem orçamento pequeno.

Nesse caso, esses vídeos de alto impacto e alcance veloz complementam a campanha principal, traz a possibilidade de atrair melhores resultados, sem que haja grandes custos.

Quanto a melhoria da segmentação, é muito claro, pois você poderá escolher criar campanhas nesse formato para potenciais clientes que utilizam mais os smartphones do que os computadores de mesa.

Se você está duvidando de que isso possa dar certo, posso lhe adiantar que já houveram testes reais, onde tanto foram utilizados somente o novo formato, quanto a combinação do TrueView com o Bumper Ads.

Inclusive, aqui no Brasil, quem fez os primeiros testes foi a Coca. O resultado foi excepcional.

Incrível, não é mesmo?

Depois de tantas notícias boas, talvez, você esteja desconfiado de que há uma má notícia relacionada aos formatos tradicionais. Acertei?

Calma aí! Não precisa ficar preocupado. Vamos esclarecer tudo.

 

Anúncios Adwords em Vídeo – Mudanças nos Formatos Tradicionais?

Não há motivos para preocupações, pelo menos por enquanto. Segundo nota emitida pelo Google, não haverão mudanças nos formatos tradicionais dos anúncios Adwords em vídeo.

O TrueView, aquele formato bastante conhecido e utilizado, com duração de 30 segundos iniciais continuará disponível, na realidade, tudo ficará como está! A novidade vem para acrescentar o que já vinha dando certo.

O Bumper Ads tem a missão de melhorar o impacto, enquanto os vídeos TrueView se manterão no objetivo de obter maior engajamento.

Como já vimos acima, esses formatos funcionarão como um complemento, tornando esse tipo de ação de marketing ainda mais efetivo, poderoso e otimizado quanto ao orçamento.

Pronto, agora você já sabe de tudo. Espero que você tenha aproveitado ao máximo cada informação contida nesse conteúdo.

Chegou o momento de você colocar a mão na massa e ir correndo conferir o Bumper Ads de perto.

Ficou com alguma dúvida? Então entre em contato comigo através do Box de comentários abaixo ou pelas redes sociais. Terei enorme prazer em poder contribuir com você, oferecendo soluções para os seus questionamentos.

Volte sempre que quiser ou precisar, eu estarei aqui, no Mestre do Adwords, lhe esperando com conteúdos relevantes e informações em primeira mão.

Desejo-lhe sucesso sempre, a gente se vê por aí.

Forte Abraço.

Porque Utilizar Adwords Se Já Tenho Resultados com SEO?

Diversas vezes, aqui no Mestre do Adwords, eu tive a oportunidade de dizer para você o quando o conteúdo é importante.

Não só aqui, mas em milhares de outros lugares, você deve ter ouvido que o conteúdo é REI, que o tráfego orgânico é excelente e que as técnicas de SEO são cruciais para o sucesso. Certo?

Eu estou aqui para mais uma vez ressaltar que isso é verdade. Que produzir materiais relevantes e originais é essencial para elevar os níveis de qualquer negócio, principalmente, nos quesitos autoridade e atração de público alvo engajado.

Por outro lado, não há como dizer que esse tipo de estratégia é o suficiente, principalmente, se pararmos para avaliar o nível de concorrência que o mercado digital possui atualmente.

 

Porque Utilizar Adwords Se Já Tenho Resultados com SEO

 

Por isso, se você acha que porque você utiliza SEO e produz conteúdo relevante, não precisa fazer mais nada, você está correndo grandes riscos de perder o seu lugar para o seu concorrente. Afinal, ele certamente está investindo em Google Adwords.

É isso mesmo, ao contrário do que muita gente pensa, comprar tráfego não é prejudicial para a saúde do negócio. Inclusive, ele pode ajudar a encontrar o público alvo certo.

Se você tem dúvidas sobre o quanto o Adwords pode melhorar os seus resultados a níveis exorbitantes, então você chegou ao lugar certo.

A seguir, vou lhe dar alguns bons motivos para você começar a investir em Adwords. Pronto? Então vamos juntos!

 

Porque Utilizar Adwords – Retorno em Tempo Recorde

Se você trabalha mais focado na atração de tráfego orgânico, sabe que as estratégias conseguem cumprir o que prometem, porém elas demoram a mostrar esses resultados positivos. Não é verdade?

O conteúdo e as técnicas de SEO demoram, em média, 6 meses para começarem a dar algum resultado e isso pode depender de muitos fatores internos e externos.

Já do outro lado da linha, o Adwords tem com uma de suas principais características o retorno em tempo recorde.

Isso acontece pela otimização dos processos, isso quer dizer, para começar atrair tráfego com uma campanha de links patrocinados, basta realizar uma boa configuração, esperar dois dias, no máximo, pela aprovação e pronto.

Sua campanha estará ativa, sendo exibida para milhares de potenciais clientes, interessados, que clicarão no seu anúncio e serão direcionados ao seu site.

Esse tipo de estratégia fortalece a outra (SEO+Conteúdo), pois consegue dar tempo o suficiente para que ela possa trazer resultados, que apesar de demorados, são mais duradouros.

 

Porque Utilizar Adwords – Termos Poderosos

Quando você anuncia no Adwords, automaticamente você começa a ter informações privilegiadas sobre os termos utilizados em seu negócio.

Isso acontece, basicamente, porque é possível medir quais são os termos que mais geram conversões, quais atraem mais tráfego, quais atraem tráfego qualificado.

Claro, você precisará estipular uma conversão clara para os seus anúncios, por exemplo, uma venda, uma inscrição através do formulário, pois só dessa forma será possível extrair informações mais precisas sobre a qualidade e o retorno das palavras-chaves utilizadas.

Com essas informações em mãos, você terá um ótimo material para criar sua estratégia de SEO e conteúdo.

 

Porque Utilizar Adwords Se Já Tenho Resultados com SEO.

 

Porque Utilizar Adwords – Ter Acesso a Milhões de Palavras-Chaves

Se você tem uma breve noção de Adwords, sabe que as campanhas são baseadas nas palavras-chaves. Não é mesmo?

Por isso, é imprescindível escolher palavras-chaves fortes, relevantes e que tenham ligação com o seu negócio, pois só assim você conseguirá ter seus anúncios exibidos para o público alvo certo.

Para te ajudar quanto a isso, o Google disponibiliza a Keyword Planner, um planejador de palavras-chaves que lhe entrega milhões de palavras-chaves a partir de uma, bastando realizar uma simples busca.

Sem contar que através do Adwords você consegue gerar relatórios que lhe mostram os termos utilizados nas buscas, lhe dando uma melhor noção do que se trata aquele tão frustrante “Not Provided”.

A partir dessas informações, você também pode enriquecer as suas estratégias de SEO e conteúdo, tornando-as muito mais direcionadas ao público alvo correto para o seu negócio.

 

Porque Utilizar Adwords – Maior Direcionamento e Assertividade

Em meio a uma campanha de SEO e Conteúdo é um tanto quanto difícil decifrar qual a etapa em que o seu potencial cliente se encontra, não é verdade?

É preciso muito esforço para conseguir atrair a atenção, se aproximar, abrir o canal de comunicação e entender melhor o que ele procura.

Muitas vezes, até que chegue a um nível de conhecimento aprofundado, demora meses e, talvez, esse usuário nem esteja mais na mesma etapa.

Com o Adwords esse problema é deixado para trás, isso porque ele te proporciona um melhor direcionamento e, consequentemente, uma maior assertividade.

Isso é possível, graças à tecnologia que o Google desenvolveu para o Adwords, garantindo que o seu anúncio apareça no momento em que o usuário demonstrar interesse.

Sem contar que tudo, absolutamente tudo é mensurável no Adwords. Então, para cada tipo de campanha, para cada objetivo de campanha, para cada anúncio e direcionamento, você conseguirá verificar qual o tipo de cliente e qual a etapa do funil de conversão ele se encontra.

Para que você entenda melhor, vou exemplificar:

  • Vamos imaginar que você tenha uma loja de Tênis.
  • Se um usuário pesquisar “Preços de Tênis X”, certamente ele está buscando adquirir o produto.
  • Se um usuário pesquisar “Posso Utilizar Tênis no Casamento?”, ele ainda está buscando informações, no início do processo de consumo e, talvez, posteriormente ele possa vir a comprar um tênis para ir ao casamento.

Consegue entender a diferença das etapas?

Com uma campanha no Adwords, você conseguiria realizar um direcionamento mais assertivo para cada um dos usuários.

 

Porque Utilizar Adwords Se Já Tenho Resultados com SEO..

 

Ter um potencial cliente no início do processo de consumo não é algo ruim, pelo contrário, é excelente para alcançar cada vez mais potenciais clientes, sem contar que é possível trabalhar diversas técnicas, fazendo com que ele prossiga no funil até chegar à conversão.

Estatisticamente falando, posso lhe afirmar com toda a certeza que há mais pessoas que utilizam o Google para buscar mais informações sobre um produto ou serviço, do que usuários que pesquisam diretamente sobre a aquisição do que ele precisa.

Com base nisso é possível dizer que as palavras-chaves amplas pode ser uma excelente opção para integrar a sua estratégia no Adwords, isso porque ela tem menor custo e concorrência.

Claro, na hora de montar a sua lista de palavras-chaves é preciso criar uma mescla efetiva, ou seja, termos que tenham ligação com o seu negócio, com a sua oferta, termos exatos, termos amplos, long tail, variações das palavras-chaves principais, palavras-chaves com baixa, média e alta concorrência e nos mais variados volumes de busca.

Isso garantirá que você está cobrindo todas as áreas.

Dica Extra: Esqueça o mito de que os resultados trazidos pelos links patrocinados são os mesmos dos posts realizados nas principais redes sociais. Nesse tipo de plataforma a movimentação é bastante grande, mas nem sempre é tão fácil conseguir destaque pelo orgânico, além disso, é preciso direcionar bastante esforço para fazer esse tipo de estratégia dar certo, como por exemplo, a criação de conteúdo direcionado para esse público em específico.

O que eu quero dizer com tudo isso é que as redes sociais podem sim oferecer ótimos resultados, mas o retorno pode ser mais demorado porque é preciso conseguir aquele “formato perfeito”, até que isso ocorra o tráfego captado pode não ser tão qualificado.

Resumindo? O ideal mesmo é saber ponderar os dois lados, as estratégias para tráfego orgânico e as estratégias para tráfego pago.

Desse modo, você terá duas frentes, de lados opostos, que se ajudarão mutuamente na tarefa de levar o seu negócio ao topo.

Agora é com você! Hora de colocar a mão na massa, traçar, testar e implementar as suas estratégias.

Espero que esse conteúdo tenha sido de imenso valor para você, mas que, sobretudo, ele tenha suprido suas expectativas e necessidades quanto ao assunto tratado.

Ficou com alguma dúvida? Então entre em contato comigo através do formulário de comentários abaixo ou pelas redes sociais, terei uma enorme satisfação em poder lhe ajudar.

Volte quando quiser, o Mestre do Adwords estará de portas abertas.

Desejo-lhe sucesso sempre, a gente se vê por aí!

Forte Abraço.

Você sabe o que é 5W2H?

Para qualquer projeto que vamos dar inicio é fundamental um planejamento estratégico, pois dessa forma será possível conhecer o terreno por onde estamos pisando e assim, garantir que nossas ações tem mais chances de dar certo.

A questão é que não é nenhum pouco fácil encontrar uma forma de fazer essa análise de risco com 100% de certeza de que as atitudes irão dar certo. Para todo empreendedor, o risco é algo presente em todos os dias, não tem jeito…Mas eu descobri uma ferramenta que pode colaborar e muito nessa nossa difícil caminhada.

Você pode me perguntar: “Tiago, eu já tenho tudo pronto na minha cabeça e posso lidar com os problemas conforme eles forem aparecendo, não posso?”

 

5W2H,

 

Isso é até possível, no entanto, concorda que tudo se tornará mais fácil se você já tiver um planejamento estratégico organizado? Você não precisará parar para tomar uma decisão tão difícil em um momento de tensão, pois já terá isso pronto em um papel e planejado quando estava de cabeça fria, logo tende a dar muito mais certo.

Quero ajudar você, então vou te ensinar tudo sobre o método 5W2H, que vai colaborar para um conforto maior na aplicação de técnicas de seu projeto.

Vamos lá?

 

O que é 5W2H?

Entender o que é 5W2H é bem simples, o que quero te mostrar mesmo é como funciona a aplicação do método, mas vamos com calma, uma coisa de cada vez para que nenhuma dúvida surja no meio do caminho.

O método 5W2H foi criado com a intenção de ser uma ferramenta facilitadora na criação de um projeto, isso porque seu criador desenvolveu um passo a passo fixo que lhe ajuda nessa criação, pois basta você ir completando com as particularidades de seu projeto e pronto!

Você deve estar achando que o termo 5W2H é um conjunto de letras aleatórias e sem qualquer sentido, não é mesmo? Posso lhe garantir que não e que cada item adicionado tem um significado.

Veja:

Temos 5 W, significando respectivamente:

  • W – What – o que;
  • W – When – quando;
  • W – Who – quem;
  • W – Where – onde;
  • W – Why – por que.

Os 2H, significam:

  • H – How – Como;
  • H – How Much – Quanto custa.

Entende-se então que essas são as 7 perguntas essenciais para que um projeto seja desenvolvido. E mais, com elas respondidas é possível fazer todas as análises positivas, negativas e ter a noção média de investimento.

Esse método é um dos métodos de gestão mais utilizados no mundo e através desse blog irei te ensinar a aplicar em seu modelo de negócio, mas antes, iremos conhecer as vantagens de sua aplicação.

 

Vantagens de utilizar o método 5W2H

A grande vantagem de utilização do método 5W2H é a simplicidade de aplicação, não é preciso nenhum estudo muito aprofundado ou nenhum conhecimento avançado para responder as questões relacionadas ao seu negócio, principalmente se for você o idealizador.

O grande ponto dessa metodologia é que você entenda que todas as respostas são fragmentadas para que lhe dê uma maior possibilidade de visão e também a identificação das áreas muitas críticas de seu negócio, pois quanto mais se setoriza, melhor o gerenciamento.

 

5W2H

 

Outro detalhe é que a ferramenta pode ser aplicada tanto para um projeto como para uma avaliação profissional, já que ela segue um modelo pronto e mais, facilita a revisão de estratégias pontuais, o que faz com que tempo seja economizado.

Enfim, já podemos comprovar que a utilização do método 5W2H só irá trazer vantagens ao nosso modelo de negócio, não é mesmo?

Chegou o momento de fazermos junto a aplicação…

Quero que você pegue papel e caneta para escrever as 7 perguntas dadas acima para que juntos, possamos aplicar esse método, ok?

Preparados?

 

Passo a passo para aplicação do método 5W2H

Sua aplicação é bem simples, porém vou te pedir que foque por alguns minutos nesse material para que juntos a gente possa responder cada pergunta..

 

#1 – O que?

Essa é a pergunta básica de todo o plano e o lugar de você deixar claro qual é a sua meta, sem enrolação ou utilizando muitas palavras.

O ideal é que você reflita os reais motivos que lhe fizeram montar esse projeto e onde você quer chegar para que assim, você responda essa questão de forma clara, simples e extremamente objetiva.

Por exemplo, se o que você quer é aumentar seus lucros, então você precisa escrever que deseja aumentar suas vendas para que você fature mais.. e ponto!

 

#2 – Quando?

Esse é o momento de você definir quando o seu plano começará a ser seguido, pode ser hoje mesmo, na próxima segunda feira ou até mesmo no próximo semestre, o importante é que seja definida uma data.

Ah, outro detalhe, é possível que você tenha um mega plano de ação, mas por questão de logística irá começar a aplicar de forma gradual, de setor em setor, então esse é o espaço para você informar os mínimos detalhes desse planejamento de tempo.

Não se preocupe se tiver um tempo de aplicação longo, o importante é definir bem as metas.

 

#3 – Quem?

Aqui é o espaço para você colocar quem está com contigo nesse projeto e qual a função. Não é necessário incluir nome por nome, você pode trabalhar com “Equipe de vendas” ou “Suporte técnico”, o importante é que cada um saiba a sua função, metas e responsabilidades.

Vale lembrar, porém que quando mais focada for suas respostas, mas bem organizado ficará seu plano.

 

5W2H.

 

#4 – Por quê?

Esse é o espaço para que você escreva qual a sua motivação para querer aplicar o método 5W2H. Não precisa ser necessariamente um problema, mas pode ser baseado na vontade de crescer, de tornar sua marca conhecida e mais uma porção de coisas.

O importante é que você consiga transmitir para o papel o por quê da vontade da mudança, entende?

 

#5 – Onde?

Esse é o local onde você irá definir exatamente aonde a mudança ocorrerá, isso porque uma empresa pode ter diversas filiais ou então, estar querendo aplicar o método 5W2H apenas no setor de vendas, ou na área de logística, entende?

Para dar certo, é essencial que você coloque o local de aplicação de forma bem claro e definido.

 

#6 – Como?

Esse é um dos itens mais importantes do método 5W2H, uma vez que, é nele que você colocará a ideia de como pretende realizar as mudanças, sendo é o espaço para que você descreva o seu plano de ação, bem como qual o passo a passo ideal para chegar em seu objetivo.

Nesse espaço é importante que você seja bem extenso, colocando tudo sobre as pesquisas recentes que fez sobre o seu nicho de mercado, sobre a persona de seu negócio, os riscos de investimento e demais informações que irão lhe ajudar a compor a estratégia.

 

#7 – Quanto custará?

Como última pergunta a ser respondida, temos também a mais delicada que falará sobre o valor de investimento.

Em muitos projetos não é possível definir, logo de primeiro momento o valor de investimento total, temos uma quantidade inicial já separada, mas dependemos de como será o andamento, sendo assim é imprescindível que você estabeleça um máximo de investimento, pois dessa forma você não corre o risco de gastar mais do que pode.

 

Pronto, chegamos ao final da aplicação do método 5W2H e você já deve estar com todas as suas perguntas respondidas, não é mesmo?

Agora é colocar a mão na massa e fazer o desenvolvimento de tudo o comentando. Com o método na mão, fica muito mais fácil entender as necessidades de seu projeto, pois você tem tudo visualmente detalhado.

Ficou alguma dúvida ou algo que não tenha ficado tão claro? Me escreva que vou adorar lhe ajudar!

Espero te ver aqui em breve!

Até mais!

Fim da Era PageRank – Google Anuncia Mudanças

O mundo digital é realmente fantástico, mas nem todo mundo consegue estar sempre à frente de todas as informações e as atualizações desse setor.

É por isso que hoje eu quero te contar algo que, muito provavelmente, você ainda não sabe.

Se você chegou até aqui por conta do título desse artigo, talvez até já desconfie, mas deve estar querendo saber mais informações. Acertei?

Bem, então, não tem como deixar para depois, é preciso dizer que a era PageRank chegou ao fim.

Uma grande tristeza para uns e nada surpreendente para outros, essa famosa métrica deixa de existir, segundo comunicado do Google.

 

Fim da Era PageRank – Google Anuncia Mudanças.

 

Você que é iniciante, mas que tem um pouco de conhecimento sobre o mercado digital, já deve ter ouvido falar em PageRank, não é verdade?

E você, profissional experiente, certamente, sentiu mais essa perda, mas tem um pouco mais de noção sobre as brincadeirinhas do Google, não é?

Para que tudo fique mais claro e seja possível entender melhor o histórico do Google quanto a esse tipo de ação, vamos voltar um pouquinho em um passado nem tanto distante.

 

Fim da Era PageRank – Passado Próximo do Google

Como eu disse anteriormente, esse tipo de ação do Google não é uma coisa tão nova. Isso porque situações parecidas puderam ser observadas em um passado bem próximo da empresa.

Você pode não se lembrar, exatamente, caso seja um iniciante, mas qualquer profissional com um tanto de experiência, se lembrará e terá histórias para contar sobre os momentos de tensão.

Olha só:

  • Em 2011 a empresa anunciou uma temida atualização nomeada de Google Panda. Essa nova versão vinha para melhorar o conteúdo, mas antes disso ameaçou muitos sites e puniu centenas de outros, pois sua principal função era fiscalizar materiais voltados únicos e exclusivamente para o ranqueamento e, desse modo, não ofereciam nenhuma relevância ao usuário. Qualquer conteúdo coalhado de palavras-chaves ou configurado para favorecer posicionamento, era visto com maus olhos.
  • Um pouco depois da Panda, ainda em 2011, o Google veio com outra bomba para os profissionais do mercado digital, principalmente os que trabalhavam com SEO, blogs de nichos e coisas relacionadas. A notícia era o término da entrega de informações sobre as palavras-chaves utilizadas pelo tráfego para chegar até ao site em questão. A partir do comunicado, tudo que era possível ver eram as palavras Not Provided. Muita gente enlouqueceu com isso e até hoje tem quem reclame. rs
  • Logo no ano seguinte, veio o Google Penguin, a guerra declarada pela atualização da vez eram as trocas de links sem qualidade, apenas, no intuito de ranquear melhor. Então, os sites que trocavam links sem relevância ou que disponibilizava os links em plataformas agregadoras de links sem relevância, tomaram fortes punições.

É importante verificar que todas as mudanças estabelecidas pelo Google, seguem uma ideia linear e um objetivo claro, ou seja, melhorar a experiência para o usuário.

 

PageRank .

 

Essas “regras novas” possibilitaram que o conteúdo disponibilizado tivesse maior qualidade.

Viu como a fim da Era PageRank não parece uma ideia tão surpreendente e absurda?

Enfim, a notícia sobre o fim da exibição pública do PageRank foi dada no dia 18 de Abril desse ano.

Ainda não entendeu direito o porque essa notícia está causando comoção em diversos profissionais? Então vamos entender melhor o que é o PageRank.

 

Fim da Era PageRank – Mas o Que é PageRank?

Bem, vamos do início? Acredito que assim ficará muito mais fácil de você entender tudo que está acontecendo e, principalmente, do que se trata o PageRank.

Primeiramente, o PageRank é uma criação do Google, mais precisamente de Larry Page.

A principal função da métrica era verificar qual o nível de relevância/autoridade do site que estava sendo analisado.

O critério utilizado era baseado nos links que o site possuía, mas nesse caso, a quantidade e a qualidade eram avaliadas. Assim que análise era realizada, uma pontuação que poderia partir de zero e chegar a dez, era atribuída.

Obviamente, o zero significava um site com um PageRank ruim e o dez um site com ótimo PageRank.

Faz muito pouco tempo que essa pontuação era utilizada para medir o quanto o seu site tinha potencial, mas mais importante do que isso é o fato de que essa métrica era muito utilizada por profissionais de SEO.

A estratégia básica era: Verificar qual página do site se mostrava mais relevante através da pontuação do PageRank.

Esse dado era tão levado à serio que as mais respeitadas ferramentas voltadas para marketing e SEO exibiam esse dado aos seus utilizadores.

Ficou chateado porque você gostaria de ter a chance de utilizar essa métrica para te ajudar em seus projetos?

Ou ainda…

Não quer abrir mão de jeito nenhum dessa métrica porque ela te ajuda absurdamente no seu dia a dia profissional?

Não precisa se desesperar. Ainda bem, a internet é maravilhosa e a tecnologia está do nosso lado. Eu vou lhe mostrar algumas opções que vão te entregar métricas muito parecidas com as do falecido PageRank do Google.

Vamos às apresentações.

 

Fim da Era PageRank – Google Anuncia Mudanças

 

Fim da Era PageRank – Opções Confiáveis e Viáveis

Apesar de esse artigo estar todo em clima de RIP PageRank , não há motivos para ficar triste por dias. Você tem à disposição opções confiáveis e viáveis, basta testá-las para descobrir qual se encaixa melhor em suas necessidades.

Uma outra coisa importante que precisa ser dita é que o PageRank morreu para os usuários, mas ele continua vivendo para o Google, isso quer dizer que por mais que você não tenha mais acesso a essa métrica, o Google continua sabendo de tudo.

Sem mais delongas, vamos conhecer a seleção de opções, são elas:

  1. Seomoz: Bastante famosa no mundo SEO ao redor do planeta, essa ferramenta é uma excelente alternativa, nesse caso. Isso porque ela possui uma espécie de PageRank próprio, baseado em premissas bem parecidas com a do Google. Na ferramenta, ela é nomeada de Page Authority.

Importante: A Seomoz é uma ferramenta de utilização restrita a assinantes.

  1. MajesticSEO: Se formos considerar a base de análise utilizada pelo PageRank do Google, podemos dizer que saber a qualidade do link pode lhe dar uma bela noção sobre o nível de autoridade/relevância de uma página. Não é? Partindo desse pensamento, a MajesticSEO é uma excelente opção para você que deseja ter esse tipo de informação, isso porque, a ferramenta entrega dados muito interessantes sobre a qualidade dos links que um site possui.

 

Descobrir o nível de qualidade do link não é o bastante? Então utilize o Ahrefs para melhorar e aprofundar a qualidade da informação, ele lhe entregará dados sobre qual a página do site que possui maior autoridade/relevância.

Dica Extra: Você já utiliza ferramentas de SEO? Então verifique nas ferramentas que você já possui as funções oferecidas, há grandes chances de haver algum tipo de métrica parecida ao do PageRank.

Antes de finalizar quero ressaltar que você deve continuar trabalhando para melhorar o seu PageRank, mesmo que você não tenha mais acesso à pontuação, pois na verdade, você estará direcionando seus esforços para melhorar a relevância e a autoridade do seu site/página.

E tem mais, o Google continua vendo qual é o seu PageRank e pode utilizá-lo para te avaliar na hora de realizar o ranqueamento.

Está feito! Espero que esse material tenha sido de imensa valia para você e que, sobretudo, tenha suprido suas necessidades e expectativas quanto ao assunto proposto.

Ficou com alguma dúvida? Então entre em contato comigo, para isso, basta deixar a sua pergunta abaixo, nos comentários, ou pelas redes sociais. Tenha certeza que eu lhe retornarei com o maior prazer, inclusive, me esforçando ao máximo para lhe trazer possíveis soluções para os seus questionamentos.

Volte sempre que quiser ou precisar, o Mestre do Adwords estará sempre de portas abertas para você!

Desejo-lhe sucesso sempre, a gente se vê por aí.

Forte Abraço.

Dicas aplicáveis de gerenciamento de redes sociais

É inavegável afirmar que as redes sociais estão em alta, isso porque praticamente tudo pode ser feito através delas. Com isso, sua utilização deixou de ser apenas por uma questão de entretenimento e passou a ser uma importante ferramenta de atendimento ao cliente e até mesmo vendas.

Claro que, dependendo do nosso público alvo teremos uma maior concentração de usuários em determinadas redes. No entanto, é quase impossível afirmar em qual delas em um primeiro momento. Essa resposta só será encontrada quando testes forem realizados em comprovarem em números essa questão.

 

Dicas aplicáveis de gerenciamento de redes sociais

 

O ideal é que você escolha das principais e crie um perfil, colocando uma campanha para rodar. Com ela em andamento, vá prestando atenção no comportamento e até mesmo, fazendo pequenas modificações para obter melhores resultados, pois só assim, depois de determinada será possível identificar:

  1. Os horários de maior atividade;
  2. O tipo de conteúdo que mais converte;
  3. A linguagem que mais tem relação com seu público alvo;
  4. A quantidade de publicações ideais.

Conseguindo encontrar um parâmetro para esses 4 questionamentos, já é possível começar um bom trabalho nas redes sociais. Só é preciso entender que uma estratégia focada em redes sociais não permanece a mesma por muito tempo, uma vez que, todas as informações postadas na rede se alteram muito rápido, entende?

Fique sempre ligado nesse ponto!

Outro detalhe, o gerenciamento dessas redes, seja da sua marca pessoal, da sua empresa ou até mesmo de seu negócio. Como fazer?

Hoje a falta de tempo está presente na vida de todos, então otimizar o tempo de trabalho é fundamental para alcançar melhores resultados.

Vou lhe dar algumas dicas que irão lhe ajudar a melhorar sua estratégia de gerenciamento de redes sociais e ainda, lhe dar mais tempo para aplicar atenção em outros pontos do projeto.

Vamos lá?

 

1º Dica de gerenciamento de redes sociais  –  Terceirize, se for o caso!

Você sabe que sempre sou transparente e sincero com você, logo não poderia deixar de dar essa dica. Muitas empresas pecam pela ausência da presença nas redes sociais. E nem é por falta de conhecimento é por falta de tempo mesmo, estão sempre preocupado em atender seus clientes da melhor forma possível que deixam em segundo plano a sua imagem na rede.

Se você decidiu que vai gerenciar suas redes sociais, assim o faça ou então, contrate uma empresa especializada para fazer, pois dessa forma você terá a certeza de que esse ponto de seu negócio estará sendo bem cuidado.

Na hora de escolher uma agência ou um profissional para fazer o gerenciamento de redes sociais, preocupe-se em olhar o seu portfólio para que assim, seja possível entender como funciona estratégia usada em outros clientes.

É primordial que haja uma sintonia entre o prestador de serviço e a sua marca, pois esse profissional estará lhe representando na rede. Dedique um tempo para ter a certeza de que fez a melhor escolha.

 

2º Dica de gerenciamento de redes sociais  –  Agende suas postagens

Como dissermos acima, hoje o tempo é algo curto em nossa rotina, temos diversos afazeres no dia e estamos sempre na correria. No entanto, para que quer ter sucesso no gerenciamento de redes sociais sabe que as postagens com frequência são fundamentais para manter o engajamento.

Se você deixar para publicar seus conteúdos nas redes sociais no exato dia que planejou, pode ser que ocorra algum imprevisto e essa postagem não entre. Isso para sua estratégia será ruim, já que terá uma perda de alcance.

Para evitar que isso ocorra, a grande maioria das redes sociais já disponibilizam uma ferramenta para o agendamento das postagens, o que torna tudo muito prático.

Escolha um dia da semana para fazer todos os seus agendamentos, dando um bom espaço para que você fique livre dessa atividade nos próximos dias.

 

Dicas aplicáveis de gerenciamento de redes sociais..

 

3º Dica de gerenciamento de redes sociais  – Métricas

Se você trabalha com diferentes redes sociais encontrar uma forma de gerenciar suas métricas é quase que um desafio. Perde-se muito tempo logando uma a uma, para acompanhar os resultados.

Já existem disponíveis no mercado ferramentas focadas em gerenciamento de resultados para as redes sociais. Elas são diversas, por isso não irei citar nenhuma. Cada uma delas tem um formato de utilização, algumas são gratuitas para um determinado número de contas e outras são pagas, mas valem o investimento.

Sugiro que você dê uma pesquisada sobre o assunto na internet e escolha algumas que achar mais interessante para testar, pois a grande maioria delas tem um período de utilização free.

É muito bacana quando você consegue se enquadrar em uma, pois todo o gerenciamento fica centralizado em um só lugar.

 

4º Dica de gerenciamento de redes sociais  –  Faça uma curadoria de conteúdo

Acertar a mão no tipo de conteúdo que o seu público alvo mais gosta, curte e compartilha é quase um desafio diário. Claro que, sempre temos uma base do que faz sucesso na rede, mas é preciso estar em constante renovação.

Para conseguir melhores resultados, uma dica que tem funciona muito em meus projetos é fazer uma curadoria de conteúdo voltado para o seu nicho de atuação.

Pesquise tudo e qualquer material sobre o segmento de mercado que está trabalhando, olhe o conteúdo escrito, o tipo de imagem, e-books, infográficos e tudo que tem relação na rede para que você possa tomar como base para a criação do seu material.

É interessante também, sempre ficar de olho no que os seus concorrentes estão fazendo, pois tudo isso servirá de termômetro para o seu material.

 

5º Dica de gerenciamento de redes sociais  – Atenção ao conteúdo gráfico

Não é nenhuma novidade que as redes sociais tem um forte apelo visual, sendo assim, por mais que você prefira trabalhar conteúdo escrito, você terá que dedicar boa parte da sua estratégia para desenvolver conteúdos visuais.

Quando for agendar suas postagens ou soltar algum novo material, preocupe-se com a qualidade da imagem, pois isso chama muito a atenção dentro das redes sociais. Outra boa sacada é usar imagens com curtas frases de motivação, uma vez que, esse tipo de conteúdo gera bastante compartilhamento.

Ah, um detalhe de suma importância, cuidado com a fonte da imagem para não gerar um problema gigantesco. Veja se a foto tem autorização de divulgação ou então, dê os créditos devidos.

 

Dicas aplicáveis de gerenciamento de redes sociais,

 

6º Dica de gerenciamento de redes sociais  –  Autoridade Online

As redes sociais lhe dão a possibilidade de ter uma presença online muito forte, o que faz com que você conquiste autoridade perante o seu público. No entanto, para que isso tenha qualidade, quem faz o gerenciamento de redes sociais precisa saber ter trato para contornar situações mais complexas.

Como é um canal de comunicação aberto, qualquer um pode escrever o que desejar, relatar um problema ou até mesmo uma insatisfação com relação a você. Saber lidar com essa questão, dando respostas e tentando solucionar de forma rápida o problema é fundamental para garantir que sua autoridade não seja abalada.

Conforme for aumentando a audiência de sua página, mas estará sujeito a esse tipo de situação. Isso é bom, mostra que está evoluindo e que seu material está fazendo sucesso.

Pois bem, traçamos aqui 6 dicas de como fazer o  gerenciamento de redes sociais. Agora, passo a bola para você, já que é sua a missão de fazer o seu projeto dar certo, porém estou sempre aqui para lhe ajudar.

Ficou alguma dúvida sobre o assunto? Algum ponto que não tenha ficado claro?

Manda pra mim, vou adorar lhe ajudar!

Até mais!

Anúncios Google – 3 Sacadas Para Começar com o Pé Direito

Se você está pensando em criar anúncios Google para o seu negócio, mas não sabe ao certo como começar, você chegou ao lugar certo.

Hoje eu quero lhe entregar 3 sacadas para começar com o pé direito nessa tarefa.

É muito comum que dúvidas surjam a cerca dos anúncios Google, afinal, são diversas informações, configurações, opções e como se não bastasse tudo isso, ainda tem as atualizações constantes.

Para começar a nossa jornada de conhecimento, quero lhe dizer que os anúncios Google são realmente muito eficazes, então não precisa ter medo de estar fazendo a escolha errada.

 

Anúncios Google – 3 Sacadas Para Começar com o Pé Direito.

 

Eu digo isso com toda a certeza do mundo porque eu utilizo Adwords e posso lhe dizer que ele me ajuda em todos os sentidos, não só atraindo resultados positivos, mas me dando a oportunidade de mensurar e avaliar cada parte do meu site, produto ou serviço através do desenvolvimento das campanhas.

Se você estiver com dúvidas sobre o que eu acabo de lhe dizer, então que tal saber que mais de 95% de todo o faturamento da empresa é gerado pelo Google Adwords?

Interessante, não é? Bem, só para que você tenha uma visão mais expandida sobre o assunto, é importante que você saiba que através dos anúncios Google você poderá alcançar grupos específicos de pessoas, bastando utilizar as configurações de segmentação da plataforma.

Você pode estar pensando:

  • “Ok, Tiago! Pode me falar quanto custa, não vou ter dinheiro para anunciar.”.

Engana-se! O Google Adwords tem como uma de suas principais vantagens o fato de entregar a possibilidade de criar anúncios muito eficientes, sem que seja preciso investir grandes quantias de dinheiro.

Além da facilidade do investimento, começar a anunciar não é das tarefas mais difíceis, basta um pouco de conhecimento para iniciar e criar anúncios, logicamente, é preciso ir aprimorando, mas ao final tudo se encaixa.

Por outro lado, antes de começar a criar anúncios Google é importante que você tenha certeza do que você está fazendo, para não acabar frustrado. Por isso, quero lhe dar 3 sacadas, vamos a elas.

 

Anúncios Google – Sacada #1 Defina Ponto Inicial e de Chegada

Se você está pensando em anunciar, certamente há um motivo que lhe levou a essa ação. Correto?

Afinal de contas, ninguém cria anúncios apenas por criar e essa informação deve estar bem clara em sua mente.

Responda a si mesmo:

  • Qual é o objetivo dos meus anúncios?

Responder a essa pergunta com sinceridade e seriedade é importante porque você não deve criar anúncios e esperar que resultados apareçam, sem ao menos saber o que deseja receber.

Por isso, antes de criar os seus anúncios Google, defina o ponto de partida. Avalie os resultados que você já possui e verifique o que você deseja melhorar.

Se possível, tenha um relatório sobre o desempenho do seu negócio sem a atuação de campanhas de links patrocinados. Essas informações facilitarão o seu processo de análise de métricas após as campanhas começarem a rodar.

Estipular metas com base nos resultados atuais é importante, por exemplo:

  • Vamos imaginar que o seu negócio geram lucros de R$1.000,00 ao mês.
  • A partir disso, você estabelece que o objetivo de sua campanha é melhorar o volume de vendas.
  • Para alcançar esse objetivo, você resolve investir o lucro mensal em anúncios Google.
  • Então seu objetivo passa a ser captar tráfego de qualidade, ou seja, usuários interessados em comprar de você.

A primeira coisa que você irá precisar avaliar é o grupo de palavras-chaves utilizadas em sua campanha e os valores do CPC para cada uma delas.

Com essas informações em mãos, será possível realizar uma estimativa do volume de cliques que os seus anúncios Google receberão.

 

Anúncios Google – 3 Sacadas Para Começar com o Pé Direito

 

Voltando ao exemplo:

  • Supondo que depois de toda a análise o valor médio do CPC da sua campanha é R$0,20.
  • Você teria 5.000 cliques.

Essa conta é feita da seguinte forma: (Investimento) / (CPC Médio) = Volume de Cliques.

Uma excelente forma de colher, maiores informações, é instalar o Google Analytics em seu site. Isso lhe dará maior controle sobre o desempenho do seu site, da interação do alvo com o seu negócio, entre centenas de outras áreas que são como ouro para o sucesso de um negócio.

Então não se esqueça:

  • Antes de iniciar a criação de anúncios Google, defina o ponto inicial e o de chegada.

 

Anúncios Google – Sacada #2 Estude o Seu Mercado

Não adianta querer obter grande sucesso, se você nem ao menos sabe qual é o território que começará a desbravar.

Pode parecer estranho para você de primeiro momento, mas para lutar com chances de vencer é necessário conhecer o terreno, as armas, e os seus adversários.

Traduzindo para o mundo do marketing digital?

Simples, estude o seu mercado, descubra quem são seus concorrentes, avalie como eles trabalham, quais são as ações de marketing que eles utilizam, qual a reação do público alvo, quais são os modelos de anúncios utilizados, quais são os que mais trazem resultados positivos e toda e qualquer tipo de informação que te ajude a trilhar o melhor caminho.

Para extrair informações interessantes, vá até o Adwords e procure entender o nível de concorrência por palavras-chaves de seu interesse.

Tudo que você conseguir em dados e análise aprofundada será a mapa da mina para o seu sucesso.

Você pode estar pensando:

  • “Nossa! O Tiago está me mandando copiar toda a estratégia dos meus concorrentes?”.

Não! Pelo contrário… Eu estou lhe aconselhando a se informar para conseguir encontrar o seu diferencial em meio a tantas técnicas.

Você não deverá copiar nada, você deverá encontrar informações de como se destacar frente ao público alvo.

Dica Extra: Se você achou que era impossível conseguir tantas informações de um concorrente, se enganou. Experimente utilizar o SEMRUSH e verá um mar de possibilidades se abrir a sua frente.

 

Anúncios Google – 3 Sacadas Para Começar com o Pé Direito,

 

Anúncios Google – Sacada #3 Boa Estrutura Para a Página de Destino

Eu não sei se você sabe, mas uma das partes mais importantes do seu anúncio, não faz parte dele tão visivelmente.

Essa parte, inclusive, é uma das mais avaliadas pelo Google no quesito índice de qualidade da sua campanha.

Você sabe do que eu estou falando?

Da página de destino é claro!

Se você está pensando em criar anúncios Google, antes você deve pensar em uma boa estrutura para a página de destino desses anúncios.

Você pode me dizer o seguinte:

  • “Ah, Tiago! Isso é fácil, o meu site está lindo, basta eu colocar a home como página de destino dos anúncios Google”.

Olha, por favor, não faça isso! Caso contrário, você terá duras perdas de seu investimento.

A primeira coisa que você precisa saber sobre o assunto é que a página inicial do seu site é considerada sem relevância para o anúncio de um produto ou serviço, por exemplo.

Isso porque quando o interessado clica no seu anúncio, ele espera ser redirecionado para uma página que lhe entregue maiores informações sobre a oferta e a possibilidade de adquiri-la e, certamente, a home não entregará isso.

Além do potencial interessado, o Google também espera que você faça isso, pois esse é um sinal de que você está entregando uma boa experiência ao usuário.

Com base nisso, para que você não tenha problemas com a obtenção de resultados é importante que você crie boas páginas de destinos.

Isso quer dizer, páginas que entreguem o que o interessado precisa. Por exemplo:

  • Vamos imaginar que você esteja anunciando um Tênis X.
  • O seu link de direcionamento deve ser a página de destino do Tênis X.

Nessa página deve conter informações sobre o tênis, opções, modelos, tamanhos, cores e, claro, uma maneira simples e fácil de adquiri-lo.

Resumindo: A sua página de destino deve condizer e explorar a oferta anunciada no Google.

Pronto! Agora você conhece as 3 sacadas para começar com o pé direito na criação de anúncios Google.

Espero que esse conteúdo tenha sido imensamente relevante para você e que, sobretudo, tenha suprido suas necessidades e expectativas acerca do assunto proposto.

Não se esqueça de sempre buscar conhecimento e ficar atento às atualizações do marketing digital.

Ficou com alguma dúvida? Então entre em contato comigo através dos comentários abaixo ou pelas redes sociais, eu lhe retornarei o mais breve que eu conseguir e com possíveis soluções para os seus questionamentos.

Desejo-lhe sucesso sempre, a gente se vê por aí!

Forte Abraço.

Descubra como aumentar o score da sua empresa no Google Adwords

Sabemos que a qualidade de nossos anúncios tem influência direta no score da nossa conta Google Adwords, não é mesmo? Porém, o que nunca fica muito claro é quais são as aplicações que devemos fazer para aumenta-lo.

A internet está repleta de bons conteúdos sobre o assunto, mas fica muito difícil identificar o que é realmente verdade e o que não passa de especulações. Pensando em resolver de vez essa questão, vamos falar sobre como aumentar o score da sua empresa no Google Adwords.

A primeira coisa que você precisa saber é que o índice de qualidade, o conhecido score é baseado na qualidade dos seus anúncios, o que reflete diretamente no resultado que suas campanhas vêm apresentando. Então, podemos afirmar sem medo que o Google valoriza os anúncios que entregam qualidade ao usuário, desde a clareza do título, o objetivo do texto e a página de destino feita.

 

Descubra como aumentar o score da sua empresa no Google Adwords..

 

Sabemos que a empresa tem como missão entregar um bom conteúdo em cada clique que o usuário faz em sua plataforma, sendo assim, ele tem uma exigência muito grande com todos os materiais e faz checagens constantes para garantir que tudo esteja sempre 100%.

Quando um anúncio é bom, além de ele trazer um bom retornou ao anunciante, ele também tem um custo menos para a veiculação, pois a qualidade torna ele mais interessante na visão da plataforma.

São 3 os pontos mais relevantes para o Adwords e que merecem atenção especial no momento da criação da campanha:

  1. Relevância das palavras chaves: O primeiro ponto é a relevância das palavras. Você deve saber que é necessário trabalhar termos de pesquisas em seus anúncios para que os interessados possam te achar. Quanto mais segmentada essas palavras forem, melhor será o seu ranqueamento e consequentemente, terá possibilidade de aumentar o score da sua empresa no Google Adwords.
  2. Taxa de Cliques: A plataforma entende que quanto maior a taxa de cliques do seu anúncio, mais interessante ele se mostra para o seu público alvo, uma vez que, tem chamado à atenção e tendo relevância perante seus concorrentes. Logo, quanto maior sua taxa de cliques, maior são as chances de você aumentar o score da sua empresa no Google Adwords.
  3. Página de destino: Por último, mas não menos importante vem a página de destino que é atribuída em seu anúncio. Sabemos que é preciso inserir um link para que o usuário seja redirecionado, porém não pode ser qualquer link, é necessário atribuir um endereço relevante e ai que moram muitos problemas. É importante que o link tenha relação direta com o conteúdo do anúncio, senão você perderá pontos e ficará bem difícil aumentar o score da sua empresa no Google Adwords.

Chegamos até aqui com a certeza de estar com os principais pontos de relevância esclarecidos, mas eu quero ir mais além. Então, separei alguns dicas que vão lhe ajudar a aumentar o score da sua empresa no Google Adwords com uma maior facilidade.

Preparados para anotar tudo?

 

Dica 1 para aumentar o score da sua empresa no Google Adwords: Acompanhe e mensure os resultados

Para que você tenha sucesso na missão de aumentar o score da sua empresa no Google Adwords, será necessário que os resultados sejam acompanhados de perto.

Dentro do painel é possível ter acesso á algumas métricas, no entanto você pode ir mais além e validar o desempenho de suas campanhas através do Google Analytics.

Para fazer isso é muito simples, basta que seja feito a veiculação da sua conta do Google Adwords com o Google Analytics e pronto, você já terá acesso a todo o desempenho de sua campanha, a taxa de conversão e demais métricas que só a ferramenta pode lhe informar.

Com esses dados em mãos, é possível otimizar melhor as suas campanhas para melhorar, ainda mais, o seu resultado final.

Seria ótimo manter o score de sua empresa sempre no máximo, não é mesmo?

 

Dica 2 para aumentar o score da sua empresa no Google Adwords: Use call to action relevantes

Coloque uma coisa na sua cabeça, a taxa de cliques, o chamado CTR é o principal fator que vai te ajudar a aumentar o score da sua empresa no Google Adwords, sendo assim é importante que você dedique uma atenção especial para esse quesito.

Para calcular essa taxa é bem simples, já temos até um conteúdo sobre esse assunto que você pode acessar clicando aqui, mas resumidamente, basta que você divida a quantidade de cliques que seu anúncio teve pela quantidade de vezes que ele foi impresso, ou seja, exibido. Esse calculo te dará a sua taxa de conversão.

Entenda que quanto maior for o seu CTR, mais relevante foi o seu anúncio e isso se deu pela escolha certa da palavra chave. Mas também, esse alto número de cliques pode ter sido ocasionado pelo bom trabalho na criação do titulo e da descrição, com call to action de qualidade que incentivaram a ação do usuário.

A dica aqui é que depois de estudar muito bem o segmento e escolher as melhores palavras chaves, você crie títulos claros e objetivos que sejam acompanhados de um conteúdo de qualidade que incentive o clique, você vai ver que será muito mais fácil aumentar o score da sua empresa no Google Adwords.

 

Descubra como aumentar o score da sua empresa no Google Adwords.

 

Dica 3 para aumentar o score da sua empresa no Google Adwords: Criação de landing pages

Se você pensa que o Adwords analisa apenas o conteúdo de sua campanha, sinto lhe informar que a plataforma é inteligente o suficiente para ir muito além disso, pois ela faz questão de analisar minuciosamente a página de destino.

Para você que acha que a página principal do site é a página mais relevante, saiba que isso pode colocar a sua campanha a perder, sabia? A intenção de anunciar é facilitar a vida do usuário, entregando a ele exatamente o que ele quer ver, sendo assim será necessário encurtar o caminho e leva-lo direto ao ponto.

O certo é que quando o usuário clique no seu anúncio, ele seja levado a uma landing page especifica, criada para suprir a intenção anunciada. Essa página de destino precisa estar de acordo com as informações passadas na campanha para que assim, o Google entenda que você está cumprindo com a sua missão.

Uma boa sacada para a criação de uma landing page é você usar aquela regra dos 5 segundos, sabe qual é? Ela diz que o usuário precisa entender o que você quer dizer através de sua página em um tempo máximo de 5 segundos..

 

 

Dica 4 para aumentar o score da sua empresa no Google Adwords: Nunca faça mais do mesmo

Procure se destacar perante o seu nicho, sendo assim deixe de lado aquelas palavras chaves batidas de alta concorrência e que são caras. Tente inovar com termos semelhantes que tem o mesmo funcionamento.

Tente utilizar palavras chaves de causa longa que lhe oferecem maiores opções de otimização e até mesmo uma versatilidade maior, já tem apresentam maiores opções de trabalho.

Essa é uma das formas mais baratas de você conseguir aumentar o score da sua empresa no Google Adwords, pois você irá trabalhar com termos mais baratos, porém com uma taxa de conversão média, o que no resultado final torna-se muito atrativo.

 

Descubra como aumentar o score da sua empresa no Google Adwords

 

Bom, você já está um expert em como aumentar o score da sua empresa no Google Adwords, agora é aplicar todas as dicas que falei em suas campanhas e esperar o sucesso!

Ficou alguma dúvida ou tem algo que eu possa lhe ajudar? Me escreva, terei o maior prazer em colaborar para o seu aprendizado.

Deixo aqui o meu muito obrigado e espero te ver de novo em breve.

 

Até mais!