Dicas para Atrair Um Maior Volume de Leitores para o Seu Blog

Está precisando atrair para o seu blog um maior volume de leitores, mas não sabe o que fazer para conseguir?

Nós, do Mestre do Adwords, sabemos que nem sempre é fácil alcançar esse objetivo, até porque um blog exige muito empenho, nas mais diversas áreas possíveis.

Para ter um blog com o mínimo de chances de sucesso, é preciso uma boa estrutura, um design agradável, navegabilidade amigável, carregamento ultra veloz e, claro, conteúdos atualizados de imensa qualidade e relevância.

Como se isso não bastasse, ainda precisamos manter a constância, sem deixar de lado a identidade do conteúdo entregue, a comunicação clara e de valor!

Já ficou cansado só de pensar, não é verdade?

Calma, não estamos aqui para tentar fazer você desistir de conquistar o seu grande objetivo e, finalmente, fazer sucesso com o seu blog!

Muito pelo contrário. Queremos que você saiba que sim, é possível ter e manter um blog, alcançar excelentes resultados e atrair um grande volume de tráfego qualificado, que vai ler e interagir com suas páginas e materiais.

Para tal, basta que você saiba qual estratégia aplicar, quando e como aplicá-la!

Ficou perdido de novo?

Então vem com o Mestre do Adwordse confira as dicas que separamos especialmente para lhe ajudar nessa jornada!

Não fique parado aí, confira tudo agora.

Será que um blog é ideal para o meu tipo de negócio?

Diante de resultados insatisfatórios, é possível que você esteja se perguntando se o seu tipo de negócio deveria mesmo ter um blog.

Esse questionamento é comum, mas independente do seu ramo de atuação, do porte e do tipo do seu negócio, ele não só pode, como deve manter um blog ativo. Mesmo que você já tenha um site institucional.

  • E, sabe o porque?

Porque o blog representa um ambiente muito importante para a sua marca. Ou seja, o local onde você pode estabelecer, nutrir e reforçar o relacionamento com os seus clientes.

É ali, também, que você aplicará o seu marketing de conteúdo, atraindo e engajando ainda mais potenciais interessados no que a sua marca oferece, o que proporcionará uma maior aproximação entre as partes.

Pode ser que você não saiba ou ainda não tenha tido a oportunidade de confirmar isso, mas o marketing de conteúdo é, atualmente, uma das estratégias mais poderosas, quanto a atração de resultados, ao aumento de conversões.

Segundo uma pesquisa realizada pela Coschedule, uma marca que utiliza esse tipo de tática converte cerca de 6 vezes mais em relação às que não a aplica.

Então sim, sem dúvidas, um blog é ideal para o seu tipo de negócio!

Aí você pode querer dizer…

  • “Se um blog é tão positivo assim, porque eu não consigo sequer atrair um maior volume de leitores?”.

Na verdade, você precisa entender que conquistar esse objetivo é uma das maiores dificuldades entre profissionais e iniciantes.

Esse “problema” não está relacionado exclusivamente ao seu negócio ou a você, pode ficar tranquilo!

Se você seguir algumas dicas com empenho e adequar estratégias ao seu público alvo, certamente, os resultados virão mais facilmente.

Veja as dicas que separamos para você.

Dica 1 – Produza Conteúdos para o Ambiente Digital e Não Redações do Enem

É muito importante que você se atente à forma como as pessoas mudaram, principalmente, quanto a forma de se comunicardepois que a internet se popularizou.

Hoje, a maioria dos públicos prezam por rapidez, praticidade e facilidades. Embora também queiram aliar tudo isso a qualidade e relevância.

O que estamos tentando lhe dizer é que, por mais que você seja um jornalista ou um ótimo escritor, o seu jeito de produzir um conteúdo deve seguir as premissas do canal de comunicação e as preferências linguísticas do seu público alvo.

Saiba que de nada vai adiantar você produzir redações do Enem para o seu blog!

Por mais que ela seja nota mil, não é isso que o seu potencial cliente está procurando.

Entenda, o seu objetivo ao produzir um conteúdo é comunicar, informar, interagir e, sobretudo, engajar!

De maneira geral, prefira trabalhar com frases curtas e concisas. Parágrafos de, no máximo, 3 ou 4 linhas.

Estipule um ritmo e o siga do começo ao fim, de forma coerente e coesa, é claro. No entanto, não esqueça de estruturar seu materialcom subtítulos, onde é possível fazer uma leitura visual mais agradável.

Faça marcações importantes com a ajuda de links para aprofundar o assunto, acrescente negrito em termos que são importantes e não se esqueça de garantir que tudo está simples e fácil de entender.

Dica 2 – Produza Conteúdos Com PAS ou AIDA

Talvez, você não saiba exatamente do que estamos falando, mas tanto PAS, como AIDA, são métodos utilizados em estratégias de conteúdopara chamar mais atenção do público e atraí-lo.

O método PAS, consiste em criar um material onde no início você chama a atenção para o problema, o explicando, identifica o porque tratá-lo é importante e, por fim, apresenta/sugere uma solução.

Já o método AIDA, você trabalha no início como uma espécie de “Chamada”, contendo matérias jornalísticas, dados, fotos ou gráficos muito relevantes. Logo após, o conteúdo deve ter uma introdução sobre o assunto que engaje e desperte no leitor a vontade de descobrir mais, de seguir.

Uma vez captado o interesse, o conteúdo segue apresentando pontos argumentativos e de poder de autoridade da marca, negócio ou profissional. O objetivo é despertar o interesse do leitor por uma solução.

Esta, você apresentará em seguida, chamando o usuário para ação!

Dica 3 – Esqueça um Pouco as Palavras-chave

Provavelmente, você deve estar achando que ficamos loucos. Como assim, esquecer um pouco as palavras-chave, em uma estratégia de marketing de conteúdo, que se visa atrair mais tráfego de qualidade?

Calma!

A gente sabe muito bem que as palavras-chave são imensamente importantes, especialmente para ranquearmelhor nos mecanismos de buscas e, assim, atrair um maior volume de leitores para o seu blog.

Não é disso que se trata!

Quando falamos para que você esqueça um pouco as palavras-chave, estamos nos referindo ao fato de mudar o foco por uns instantes, e enxergar novas possibilidades.

O que você precisa entender é que os termos são muito importantes, no entanto entender o seu potencial cliente, o que lhe interessa, o que ele deseja ler, entender e interagir, é sim mais importante.

Afinal, quando você tem esse conhecimento, acaba abrindo a visão quanto às estratégias de palavras-chave mais poderosas para o seu negócio.

Tenha claro que disputar com seus concorrentes por palavras-chave, talvez, não entregue o conteúdo que a sua potencial audiênciaquer consumir.

Isso só vai lhe exigir mais esforços, sem garantia de resultados!

 

Por hoje é só! Esperamos ter lhe ajudado.

Desejamos-lhe sucesso sempre, a gente se vê.

Forte Abraço.

5 dicas para diferenciar o Instagram de sua marca

Quem trabalha com marketing digital, principalmente no gerenciamento de redes sociais, sabe bem que o Instagram é uma das plataformas que mais cresceu nos últimos anos.

Segundo dados do próprio Facebook, de 2012 para agora, ele teve um crescimento de mais de 400%, o que impressiona e muito.

Inicialmente, o Instagram tinha um caráter muito pessoal, ou seja, pessoas que postavam sua rotina, suas fotos e imagens para compartilhar momentos com amigos e conhecidos. No entanto, empresas e até mesmo grandes marcas notaram que poderiam usar essa rede social para se aproximar, ainda mais, de seu público.

E assim tem ocorrido… A grande questão é que que o Instagram não é tão simples quanto parece. Apesar de ser de fácil utilização, as limitações de postagens que ele oferece, torna o trabalho um pouco mais complexo.

Então, quando o trabalho é muito difícil, é preciso dar espaço para que a criatividade possa trabalhar!

Justamente por esse motivo, hoje, aqui no Mestre do Adwords, você vai aprender dicas incríveis para que suas estratégias de Instagram possam se diferenciar dos outros.

Vamos lá?

Como se diferenciar usando Instagram?

Se você tivesse feito essa pergunta há uns 2 anos, certamente, a nossa resposta seria muito diferente da que te daremos agora. Ao que percebemos, essa rede social demorou para despertar o interesse das empresas, mas agora, estar fora dele é quase que informar ao seu público que algo não está correto.

De pequenas a grandes marcas, todas elas já têm algum tipo de estratégia de Instagram. Então, o nosso conselho é que você estude e observe muito bem os seus concorrentes diretos, pois serão eles que te darão uma ótima ideia do que você deve ou não fazer.

Aqui cabe atenção a um detalhe: Não é porque aconselhamos você a observar seus concorrentes que deve fazer exatamente as mesmas ações que eles estão fazendo. Olhe, absorva e supere. Isso sim irá te diferenciar.

Para te ajudar nesse estudo, preparamos algumas dicas que irão te diferenciar de outras marcas do mesmo segmento.

Prontos?

#Dica 1 – Escolhendo um tema que imprima a sua marca

O Instagram é um espaço muito aberto, ou seja, você irá sentir que tem a liberdade para falar de tudo, postar sobre tudo. No entanto, é muito importante que você não perca o foco, afinal está ali para gerar autoridade a sua marca.

Se você não sabe muito bem como escolher um tema, o melhor a se fazer é olhar para o seu segmento de mercado e entender o que eles mais gostam.

Diferente de um blog, o Instagram não foi feito para matar as objeções, ou seja, tirar as dúvidas. Até porque, o espaço limitado não permite isso.

Ali, você deve usar como um canal para chamar a atenção e levar os leads à uma outra etapa da doutrinação, seja ela a conversão ou um lugar do qual ele poderá entender melhor o assunto.

Justamente por isso, é importante que você aborde assuntos relacionados ao seu mercado.

#Dica 2 – Tenha uma apresentação que imprima sua personalidade

Abordar temas que seja dentro do contexto da sua empresa é algo excelente, mas o seu perfil do Instagram precisa estar condizente com isso!  Por exemplo, se você faz postagens sobre o ramo de imóveis, pois você tem uma imobiliária, ter o perfil sem um site ou sem algum telefone de contato, parece estranho, não acha?

Sabemos que essa dica parece muito óbvia, mas você precisa preencher certinho toda a biografia de seu perfil, pois isso passará a ideia de seriedade.

#Dica 3 – Pouco Conteúdo + Imagens

Trabalhar estratégias de Instagram é isso, seja em publicações ou em anúncios. Aqui, a imagem, realmente, precisa valer mais que milhares de palavras.

Várias pesquisas já abordam que os usuários dessa rede quase nunca leem as descrições, no entanto, as imagens são curtidas e até mesmo compartilhadas.

Quando estiver fazendo o seu planejamento, dê um foco mais que especial na parte visual. Se for possível e se você tiver recursos, contrate um profissional para criar imagens exclusivas.

#Dica 4 – Entenda o momento e abuse disso

Uma marca ou empresa conectada precisa estar a par do momento. Esse ano em particular, temos um evento que movimenta o mundo: a copa.

Sua empresa, não pode passar ilesa desse fato, ela precisa demonstrar alguma empatia, algum tipo de torcida, não acha?

Tenha ciência disso na hora de fazer o seu planejamento estratégico! Isso criará uma conexão muito grande entre você e seu público alvo.

#Dica 5 – 80/20

A regra do 80% de conteúdo interessante para 20% de conteúdo de venda continua valendo. Não tente vender algo ou promover o tempo todo, isso é bastante incômodo e no Instagram gera muito a perda de seguidores.

Para que isso não ocorra com você, siga sempre a regra básica do 80/20, fornecendo conteúdo de qualidade.

Claro que esses conteúdos podem induzir a venda em um momento posterior, mas não deixe entender isso.

Quer um exemplo?

Vamos supor que você tenha um e-commerce que vende máquinas para choperia. Com toda a certeza, seus seguidores serão pessoas interessadas, ou em comprar máquinas, em chopp ou, mesmo, no estilo de vida de seu segmento.

Então, você pode trabalhar postagens sobre os diferentes tipos de Chopp, sua composição e, até mesmo, fazer uma leve indicação de qual máquina é melhor para produzir cada um deles.

De forma direta, você não está tentando vender nada, porém está abordando seus produtos de uma forma onde está doutrinando para a venda.

Conseguiu entender?

É dessa forma que você deve fazer sempre! Uma postagem ou outra, você pode divulgar uma promoção ou algo do tipo.

Gostou das dicas?

Esperamos que elas te ajudem a trabalhar melhor com o Instagram!

Forte Abraço.

Fidelização de Clientes – Turbine Sua Tática em 4 Passos Simples

Não tem sequer um negócio, independente do mercado de atuação ou porte, que não tenha, entre seus objetivos, conquistar mais clientes.

Fato é que gerar leads e guiá-los até o momento da conversão faz parte do dia a dia de todas as marcas do planeta.

O problema é que muitas delas se esquecem de que o processo de aquisição de consumidores não deve ser encerrado após a venda.

  • Você anda cometendo esse erro também?

Então entenda que adotar essa postura faz com que a sua empresa perca duas vezes.

A primeira porque terá que investir muito mais no processo de captação de novos clientes. Afinal, haverá uma perda exacerbada da base ativa de consumidores, precisando sofrer reformulações para ter uma margem de lucro satisfatória.

Equilibrar o ROI será uma tarefa bastante complexa, nesse caso!

Fidelização de Clientes..

A segunda é que abandonar o cliente após a venda faz com que a sua imagem e credibilidade fiquem um tanto quanto abaladas. Na visão do consumidor, que fica insatisfeito com essa ação por parte da empresa, você só estava interessado em “pegar o dinheiro dele”, sem se preocupar em agregar valor ou ajudá-lo verdadeiramente.

Nesse caso, a relação fica enfraquecida, fazendo o cliente ir embora, sem pensar duas vezes!

Complicado, não?

Segundo pesquisas, investir em uma estratégia de fidelização de clientes é muito mais vantajoso para um negócio, do que trabalhar com captação de novos consumidores.

Os motivos são porque a primeira tática é mais barata, oferece melhor ROI e faz com que o negócio cresça em todas as suas frentes.

Por isso, se você, nesse momento, está descontente com a sua estratégia de fidelização de clientes, não desista dela para voltar somente à captação de novos consumidores.

Se dê mais uma chance e confira o conteúdo que o Mestre do Adwords preparou para você. Turbine sua tática em 4 passos simples.

Podemos começar?

Então vem com a gente agora e aumente os resultados do seu negócio, tendo clientes fiéis, encantados e de consumo recorrente.

1˚ Passo –  Ofereça Atendimento Personalizado aos Seus Clientes e os Fidelize

Uma das táticas mais importantes de uma estratégia de fidelização de clientes é o atendimento personalizado.

Isso porque, por meio dele, você consegue estabelecer uma comunicação eficaz e iniciar a construção de uma relação de valor.

Quando você atende o seu cliente da forma como ele deseja ser atendido, oferecendo todas as soluções que ele procura, sua marca acaba proporcionando uma excelente experiência a ele. Algo imensamente importante para fidelizá-lo e, mais do que isso, encantá-lo.

Mostre ao seu cliente, por meio do atendimento personalizado, que você não está só interessado na venda, no dinheiro que ele traz para o seu negócio.

Importe-se de verdade, mostre-se humano, prove com ações e atitudes de que aquele consumidor é importante para a sua marca, que o que ele deseja, pensa, sente, é relevante para você.

Fidelização de Clientes

2˚ Passo – Adote Uma Estratégia de Pós-Venda

Como falamos no início, um dos maiores erros que as empresas cometem é pensar que após a conversão, o seu grande objetivo com o cliente foi alcançado.

Muito pelo contrário, para aproveitar ao máximo o potencial de resultados que a estratégia de aquisição de clientes lhe oferece, você deve adotar uma tática de pós-venda.

Ela é uma das partes mais importantes da estratégia de fidelização, como explicamos no começo desse conteúdo.

Não acompanhar o seu cliente após a compra, faz com que a sua experiência se torne negativa e, por isso, ele acaba ficando distante da sua marca.

Não decepcione o seu cliente. Faça com que ele se sinta tão importante para o seu negócio, como quando ele ainda não havia efetuado a conversão.

Mantenha a comunicação constante, procure saber o nível de satisfação do cliente com a aquisição, com o processo guiado pela sua marca. Aproveite para se aproximar ainda mais e encantar o seu consumidor.

3˚ Passo – Valorize Seu Exército de Clientes Fiéis

Toda empresa tem, entre seu mailing de consumidores, aqueles clientes fiéis. Estes, são os que compram de forma recorrente, que defendem a marca, que confiam, que indicam e, até, ajudam com informações e críticas construtivas.

Se você sabe que tem um exército de clientes fiéis, porque não o usar ao seu favor?

Não sabe como? É muito simples, valorizando-os por serem diferenciados, especiais.

Isso trará benefícios para ambos os lados. Para empresa, porque a ação de beneficiá-los com vantagens e tratamento VIP, acabará incentivando que outros se esforcem para pertencerem a esse grupo seleto, o que fará com que a marca se fortaleça.

Já para os clientes fiéis, isso será uma forma de retribuição, de reconhecimento, de enriquecimento de sua experiência com a marca.

4˚ Passo – Coloque o Cliente no Centro do Seu Negócio

Fidelização de Clientes.

Não tem como traçar uma estratégia eficaz de fidelização, se você não colocar o cliente no centro do seu negócio.

É preciso esboçar todas as táticas que envolvem esse processo, com o pensamento de que o seu cliente é o responsável por todos os pilares do seu negócio. Ele é a razão por trás das vendas, das soluções, das técnicas, dos atendimentos.

Enfim! O seu grande desafio nesse ponto é garantir que tudo irá convergir para a satisfação e o encantamento do seu cliente, à ponto de ele querer voltar e nunca mais encerrar esse relacionamento.

Não se esqueça de que, além de tudo que falamos aqui, é imensamente importante fazer a análise de métricas e desempenho de suas táticas.

Isso fará com que você conheça mais os seus clientes e, com isso, possa oferecer, a cada dia que passa, uma melhor experiência a eles.

Que tal colocar a mão na massa agora? Avalie esses pontos simples e implemente-os para turbinar sua tática de fidelização de clientes ainda hoje.

Esperamos que tenha gostado do conteúdo e que, sobretudo, ele tenha sido relevante para você!

Ficou com alguma dúvida? Então mande sua pergunta para nós pelo campo de comentários posicionado logo abaixo.

Desejamos-lhe sucesso sempre, a gente se vê!

Forte Abraço.

Novo negócio online de pequeno porte? 3 Dicas Para Divulgá-lo

Está pensando em abrir um novo negócio de pequeno porte em breve? Já tem quase toda a ideia pronta, porém sente dificuldades em algumas áreas?

Ou…

Tem o sonho de abrir um negócio, mesmo que seja pequeno no início, na sua casa, mas que seja totalmente seu?

Você já passou por uma porção de barreiras, como não ter dinheiro para investir e perceber que com bom planejamento se faz muito com pouco?

Apesar disso, agora, depois de muita luta, se vê estagnado porque não sabe ou tem muitas dúvidas sobre como estruturar seu plano de divulgação?

Então temos que lhe revelar uma excelente notícia! Você chegou ao lugar certo!

Nesse momento muito propício para lançamentos, para repensar as ideias e partir para ação, detectamos que muitos profissionais estão sendo impedidos de evoluir por uma etapa muito importante.

Desenvolver a estratégia de divulgação do negócio online, principalmente, se ele for de pequeno porte!

Diante dessa dificuldade, nós, do Mestre do Adwords, decidimos ajudar!

Então, criamos um conteúdo relevante sobre o assunto. Nele, você encontrará três dicas infalíveis para divulgar seu novo negócio online de pequeno porte.

Temos certeza que depois que você as conferir, não enfrentará mais dificuldades em trazer grande visibilidade ao seu negócio.

E, pode ficar tranquilo, pois a seleção de sacadas que reunimos vai lhe ajudar, independente se o seu negócio for do ramo de alimentos, criação de sites ou moda.

O sucesso do seu negócio é uma soma de características, a começar pela sua criatividade em criá-lo, passando pela sua capacidade de enxergar boas oportunidades e aproveitá-las.

Como você já deve saber, poder de investimento não é tudo. Mais vale, nesse caso, a sabedoria de distinguir a melhor forma e onde investir.

Com a chegada e a expansão da internet, hoje, é possível alcançar locais inimagináveis. O mundo digital é sem fronteiras e pode lhe oferecer uma excelente alternativa para divulgar a sua empresa, com custos bastante acessíveis, por exemplo.

Nesse ponto, você já pode ter certeza, que independente do ramo de atuação da sua marca, a sua escolha foi assertiva, quando decidiu ter um novo negócio online.

Quer descobrir quais são essas 3 dicas?

Então vem com a gente!

negócio online de pequeno porte..

1 – Para divulgar seu novo negócio online de pequeno porte atualize seu site

Certamente, as perguntas que mais permearam a sua cabeça nos últimos tempos foi:

  • Como divulgar meu novo negócio de pequeno porte de maneira efetiva?
  • Quais cuidados devo tomar para não cair em armadilhas nesse plano de divulgação?

A primeira coisa que você deve ter em mente, se quer alcançar o seu objetivo, é que será necessário ter um site, caso a sua marca ainda não tenha.

Se você já o providenciou, o próximo passo é se certificar de que ele atende todas as necessidades do seu público alvo, entregando-os, ao final, uma excelente experiência.

Pode lhe parecer uma dica muito simples de primeiro momento. Mas você precisa saber que a maioria dos profissionais que lança um novo negócio online de pequeno porte, acaba sendo atingido pela armadilha do site mal produzido e planejado.

Está surpreso?

Nós também ficamos ao sabermos, mas pudemos entender melhor as razões por trás desse cenário. As principais são a falta de conhecimento do assunto e investimento indisponível para esse tipo de serviço.

Você pode estar se perguntando nesse momento:

  • O que o meu site tem a ver com a divulgação do novo negócio?

Muito simples, um site com navegabilidade prejudicada por conta da desatualização, impacta diretamente na qualidade da experiência do usuário, o que os desagradam e dificulta que as conversões ocorram.

Além disso, diante dessa falta de qualidade na experiência do usuário, o Google também não lhe permite uma boa indexação nos resultados de buscas, rebaixando suas chances de conquistar uma grande visibilidade.

Enfim, para não ter que lidar com esse problema, procure atualizar o seu site e analisá-lo com cuidado para saber se o seu tráfego e potenciais clientes estão tendo facilidade em encontrarem o que procuram.

Se as informações estão claras, se as imagens são mostradas com perfeição, se as páginas carregam rapidamente, se há uma versão para o mobile que torna a navegação simples e rápida, possibilitando que o usuário chegue onde deseja com poucos cliques.

Não esqueça também de testar se tudo está em pleno funcionamento, como a barra de pesquisas internas, menus e o formulário de inscrição, por exemplo.

Atenção! Invista em uma boa estratégia de SEO, otimizando as suas páginas para os motores de buscas. Isso fará com que os seus potenciais clientes lhe encontrem quando estivem pesquisando pelas soluções que o seu negócio oferece.

2 – Divulgue o Seu Novo Negócio Online com Conteúdo de Valor

negócio online de pequeno porte.

Não há melhor forma de divulgar um novo negócio, do que oferecendo conteúdo de valor ao público alvo que se deseja atingir.

Isso porque o conteúdo é capaz de atrair, engajar, gerar interesse, empatia, construir um relacionamento próximo e, consequentemente, aumentar o volume de conversões.

Além de tudo isso, o conteúdo quando trabalhado com técnicas de SEO, pode conceder ao seu site o poder de atrair um grande volume de tráfego de qualidade.

Como falamos anteriormente, o SEO pode lhe trazer melhores posicionamentos no ranking do maior buscador do planeta, o Google.

  • Já pensou ser visto por milhões de potenciais clientes que realizam pesquisas no Google diariamente?

Para conquistar essa enorme visibilidade, você precisa trabalhar uma estratégia de marketing de conteúdo assertiva.

Há diversas formas de elaborá-la, mas uma das regras que não pode deixar de ser seguida é a de oferecer conteúdo relevante ao seu público.

Isso quer dizer, que tenha ligação com o seu negócio e com o interesse da sua persona.

O segundo ponto imprescindível é manter a regularidade das postagens, o que fará com que o público se acostume em voltar para consumir seus materiais. Formando dessa forma uma relação.

3 – Divulgue seu Novo Negócio Online no Adwords

Master a man in an apron marks the skin to the article. Small business
Master a man in an apron marks the skin to the article. Small business

Trabalhar com SEO, marketing de conteúdo e um site capaz de fornecer uma excelente experiência ao seu usuário é imensamente importante. No entanto, sabemos que os resultados dependem de tempo para surgirem.

Eles são sim bastante duradouros e sólidos, quanto a isso, você pode ficar tranquilo.

Só que, muitas vezes, você não tem todo esse tempo para esperar, certo?

Para solucionar esse caso, a recomendação é que você invista em campanhas de links patrocinados do Adwords.

Óbvio, essa estratégia deve ser adotada em conjunto com as anteriores apresentadas. Pois assim, sem dúvidas, você cobrirá todos os campos, atraindo resultados ainda melhores.

Investir no Adwords é o mesmo que anunciar no Google, ou seja, você aparecerá para seus clientes sempre que eles buscarem por seu negócio, produtos, serviços ou assuntos relacionados.

Não se preocupe, o orçamento é você quem define, só há pagamento quando a conversão for atingida. Por isso, se fizer um planejamento bem direcionado e segmentado, os resultados serão praticamente imediatos.

Pronto! Agora você tem todas as dicas que precisa para começar a divulgar seu novo negócio online de pequeno porte.

Só tenha em mente que o processo de divulgação deve ser contínuo. Além de demandar acompanhamento frequente de métricas para seja possível fazer uma otimização de qualidade.

Esperamos que tenha gostado do conteúdo!

Dúvidas? Escreva para nós.

Forte Abraço.

 

 

5 ações para impulsionar conversões com a ajuda de redes sociais

Uma recente pesquisa do Statista revelou um dado bastante impressionante: Acredita-se que a quantidade de usuários presentes nas redes sociais deve crescer, em média, 7% ao ano. Atualmente, já são mais de 2,5 bilhões de usuários em todo o mundo.

Essa informação não te diz nada?

Temos a certeza que diz muito sim. Se o seu negócio ainda não está apto a lidar com esse tipo de público, é muito interessante começar a fazer uma migração progressiva para estar dentro dessas mídias sociais.

Parece até que já faz muitos anos, mas há menos de 5 ou 7, quando havia um problema relacionado à um produto ou serviço, tudo o que você tinha a fazer era buscar pelo número do SAC na embalagem. Por vezes, a demora no atendimento era tamanha que o consumidor até desistia.

Hoje já não existe mais isso! O seu público se sentiu incomodado ou tem algo a dizer, ele simplesmente acessa as redes sociais e coloca a sua opinião para todos.

O que nunca dá para prever é qual será o alcance disso. Talvez não dê em nada ou pode virar uma crise grande que precisará de gestão eficiente.

Enfim, o que queremos te sinalizar é que as redes sociais são hoje, uma ferramenta importante que pode ser usada como: canal de comunicação, de atendimento e, claro, de vendas. Basta que você saiba como fazer a sua utilização assertivamente.

É nesse ponto que o Mestre do Adwords quer te auxiliar. Nós queremos te ensinar algumas ações que irão te ajudar a impulsionar conversões com a ajuda de redes sociais.

Venha conferir!

ações para impulsionar conversões com a ajuda de redes sociais,

Ação 1 – Planeje ações que te façam interagir com seu público alvo

Muitos profissionais acham que apenas jogar conteúdos nas redes sociais vão fazer com que suas vendas decolem, mas acredite, isso não irá fazer muita diferença para você.

É que a grande chave do sucesso de impulsionar conversões com a ajuda de redes sociais é você manter um diálogo aberto entre você e seu público alvo. Quando eles entenderem que o que a sua marca indica, mostra ou demonstra, significa uma ajuda, seus produtos ou serviços irão começar a vender igual água em um calor de 40 graus.

Então, você precisa planejar ações que te façam se comunicar de forma mais próxima com essas pessoas. Isso pode ser através de uma transmissão ao vivo, de um vídeo ou até mesmo de conteúdo. Você só não pode esquecer de focar no poder de engajamento que esses materiais podem lhe fornecer.

Não adianta postar itens sem importância ou que fiquem lá esquecidos. Nesse ponto, o alcance em relação às visualizações não te levará muito longe, você precisa fazer com que eles interajam com você.

ações para impulsionar conversões com a ajuda de redes sociais..

Ação 2 – Reuso de conteúdo já compartilhado

Essa é uma tática que muitas marcas têm adotado, mas é preciso ter cuidado no excesso de recompartilhamentos, sem nenhuma novidade.

Para que você entenda melhor, vamos explicar o cenário. Muitas empresas têm um alcance bastante expressivo com alguma postagem e acabam a recompartilhando depois de um tempo. Isso para que o alcance cresça ainda mais.

No mesmo tempo que isso é positivo por uma questão de maior alcance, se você tiver um público muito fiel e participativo, ele perceberá que você não tem oferecido novidades e pode até deixar de seguir você.

Então, se você decidir adotar essa prática, precisa ter certeza de que aquele conteúdo é tão bom e diferente à ponto de valer a pena ser compartilhado novamente. Se você está em dúvida, é melhor oferecer algo novo.

Ação 3 – Adapte seu conteúdo para ser compartilhado

Esse é um dos erros mais cometidos na hora de trabalhar estratégias para impulsionar conversões com a ajuda de redes sociais. Por mais que você vá divulgar o mesmo produto ou serviço, usando até o mesmo link, o jeito de apresentá-los aos seus seguidores deve ser diferente.

Até porque, se você não fizer isso, acabará passando a impressão de estar usando um programa de automação que publica de uma vez só em todas as redes sociais.

Planeje algo diferenciado para cada rede que irá trabalhar, assim a fatia de público daquele espaço se sentirá único!

Ação 4 – Atenção aos links compartilhados

ações para impulsionar conversões com a ajuda de redes sociais

Esse é outro ponto que pode te fazer perder muito em vendas. Imagine compartilhar uma publicação que não está indicando o produto certo ou pior, que tem problemas de redirecionamento?

Seu público vai clicar para querer mais informações ou até mesmo para comprar e não irá conseguir encontrar o que precisa.

Sempre que for postar algo, confira o link diversas vezes, certificando-se de que está usando o correto. Isso poupa tempo até do seu atendimento, que precisará ficar enviando o link certo do produto.

Ação 5 – Use imagens para converter mais

É fato, dentro das redes sociais, onde tudo ocorre muito rápido, uma imagem pode chamar mais a atenção do que algo escrito. Então, porque não combinar ambas as ações em busca de um aumento de vendas?

Crie imagens que mostrem seus produtos ou serviços. Deixe bem claro a oferta de valor e informe o link que o usuário pode acessar para adquirir o item. Pronto, é algo simples que pode aumentar suas conversões de forma bem expressiva.

Agora que você já sabe tudo sobre as melhores ações para impulsionar conversões com a ajuda de redes sociais, é o momento de colocar em prática. Não há tempo para perder, implemente tudo para depois visualizar os resultados. Assim, você irá obtendo retornos ao mesmo tempo em que coloca para rodar.

Curtiu as dicas?

Se tiver qualquer dúvida ou ainda, quiser complementar as informações, deixe um comentário abaixo!

Te esperamos!

 

Youtube X Vímeo – Qual a melhor opção?

Aplicar estratégias de vídeos em seus projetos de marketing digital é necessário, afinal, o aumento no consumo desse tipo de conteúdo é algo surpreendente. No entanto, sabemos também que a plataforma onde você irá disponibilizar esse conteúdo influência muito em seus resultados.

Obviamente, quando falamos em vídeos, o primeiro nome que nos vem à cabeça é o Youtube, não é mesmo?

E não é por acaso, ele é um dos sites mais acessados do planeta! Além disso, são milhões de conteúdos disponibilizados nele todos os dias, por isso tornou-se, realmente, uma referência na distribuição de conteúdo em vídeos.

A questão é que se há poucos anos atrás, o Youtube era uma plataforma única de vídeos, com o passar do tempo, outras vão surgindo no mercado e começam a ocupar seus espaços. Esse é justamente o caso do Vímeo.

Muitos profissionais têm dúvidas sobre qual das duas optar na hora de criar suas estratégias. Durante o ano, recebemos inúmeras perguntas sobre qual a melhor opção. Então, nada melhor do que trazer um comparativo entre os dois, não acha?

Nós, do blog do Mestre do Adwords, preparamos um conteúdo especial sobre isso. E na sua opinião, quem vence a disputa: Youtube X Vímeo?

Vem conferir!

Youtube X Vímeo

Em relação ao alcance, quem ganha?

Sem sombra de dúvidas, o Youtube ganha em relação ao alcance. Como falamos no início do conteúdo, ele é um dos sites mais acessados em todo o mundo. O seu aplicativo é um dos mais baixados da atualidade, liderando na lista de downloads, tanto para dispositivos androide, como para IOS.

O Vímeo cresceu bastante desde a sua criação, mas não conseguiu chegar à ser a potência que o Youtube já é. Segundo a própria plataforma, hoje ele tem, mais ou menos, 100 milhões de usuários. O que não é uma margem nada pequena, mas se comparada com o Youtube e seus bilhões de usuários únicos por dia, a diferença se faz muito grande.

Então, nesse quesito quem ganha é o Youtube.

Pago ou Gratuito, quem leva?

Talvez, essa seja uma das grandes diferenças entre as duas plataformas: O Youtube é totalmente gratuito. Enquanto o Vímeo, possui pacote de assinaturas pagas para diferentes tipos de públicos.

Só não ache que quem paga para utilizar o Vímeo não sai ganhando. A plataforma disponibiliza suporte e recursos que o Youtube não têm, logo dependendo do seu objetivo, ele acaba sendo muito mais interessante.

Para tal, é preciso avaliar quais são as necessidades de seu negócio e aí sim, escolher a melhor opção para você.

Podemos dizer que nesse quesito as duas ficam empatadas. Enquanto o Youtube é totalmente gratuito e acessível a todos, o Vímeo possui assinatura em alguns pacotes, mas que lhe dão ferramentas de trabalhos mais assertivas.

Essa escolha terá que ser sua!

Youtube X Vímeo...

Integração com Google, Youtube ganha!

Esse ponto temos que dar ao Youtube e não tem nem o que discutir. Ele é a plataforma oficial do Google, logo as facilidades de integração, monetização e aparecimento nos resultados de busca são muito maiores e, claro, mas eficientes.

Você pode criar um canal no Youtube e compartilhar em todos os tipos de locais, inclusive promovendo-o através de anúncios. Todas essas ações são bem facilitadas e integradas na própria plataforma.

O Vímeo não tem isso. Inclusive, há poucos anos, ele ainda não tinha um respaldo bacana para dispositivos móveis. Agora já tem, mas acreditamos que não seja tão bom quanto o do Youtube.

Clube de assinaturas, no Vímeo é possível!

Não podemos tirar as vantagens do Vímeo, então acreditamos que esse é um de seus grandes diferenciais. Com sua utilização, você consegue criar clubes de assinatura, onde só os usuários cadastrados têm acesso ao vídeo.

O Youtube é uma rede mais aberta, onde todo o conteúdo é compartilhado. Claro que, atualmente, já existe a opção de exibir apenas para quem recebeu o link de acesso no e-mail, mas sabe aquela página inicial onde o usuário entra com login e senha?

No Youtube isso não existe, já no Vímeo sim. Então, se você tem como objetivo uma área de membros nesse estilo, acabou de encontrar a solução.

Métricas – Qual entrega mais?

Há quem afirme que o Youtube consegue te entregar relatórios mais assertivos, já que está diretamente ligado ao Analytics. No entanto, nada lhe impede de fazer o mesmo com seus vídeos do Vímeo.

De qualquer maneira, por já estar integrado em relação às funções e botões, o Youtube te dá um maior conforto para a busca de resultados. Já que tudo fica ali disponível em suas mãos.

Youtube X Vímeo..

Seo no Youtube funciona melhor

Seria até um erro não mencionar essa questão. O Youtube tem um trabalho muito forte com relação às palavras-chave. Se você otimizar muito bem seus vídeos, inserindo os termos no título, na descrição e nas tags, as chances de ser encontrado aumentam muito. Isso tanto para a busca dentro da ferramenta, quanto para os motores de busca do Google.

No Vímeo isso já não acontece, à não ser que otimize uma página que contenha o vídeo, no entanto, você terá que investir em uma hospedagem e em conteúdo à parte para que esse posicionamento ocorra.

E aí, qual a melhor opção? Youtube X Vímeo?

A responsabilidade da escolha está em suas mãos. Apesar de pontos mais positivos para o Youtube, principalmente, por ser uma plataforma de vídeos gratuitos. O Vímeo apresenta funcionalidades próprias que podem se adequar mais aos seus projetos e objetivos.

O melhor é fazer um levantamento de suas necessidades para que você consiga obter essa resposta de uma forma mais simples e segura.

Nós, do blog do Mestre do Adwords, esperamos ter lhe ajudado a esclarecer mais informações sobre o assunto.

Até breve!

Exposição em redes sociais – Quando isso afeta sua marca?

As redes sociais, atualmente, são uma das ferramentas mais importantes para negócios que utilizam a internet. No entanto, o trabalho com elas deve ser feito de uma forma profissional, senão o que era para ser algo positivo, torna-se negativo e prejudica a imagem da sua marca.

Muitos sites e blogs pela internet exaltam a necessidade do trabalho em redes sociais para conquistar seguidores e, até mesmo, clientes, porém se esquecem de que se for feito de forma errada, acarretará em uma exposição negativa que irá prejudicar o andamento dos negócios.

Aqui, no blog do Mestre do Adwords, temos uma preocupação muito grande com nossos leitores, pois queremos que você esteja sempre por dentro dos pontos importantes dentro do universo digital, então, hoje, o assunto será esse: exposição em redes sociais.

  • Você tem ideia de quanto o excesso prejudica a sua marca?
  • Sabe quais são as atitudes que te prejudicam ao invés de ajudar?

Nós vamos conversar sobre todos esses pontos!

Aproveite o conteúdo especial que preparamos para você!

Quando a exposição nas redes sociais afeta uma marca negativamente?

Quando o que era para ser uma estratégia positiva, torna-se negativa, uma tempestade forma-se dentro de seu negócio. Obviamente, nenhum empreendedor quer passar por isso, porém estratégias mal planejadas ou, mesmo, mal executados podem gerar essa situação.

O primeiro passo para evitar que isso aconteça é entender quem são seus seguidores e quem é seu público alvo. Isso já te dará um norte interessante sobre crenças, ideais, opiniões e informações.

Sempre que você fizer uma campanha que vai de encontro com o que o seu público alvo acredita, pode ter certeza de que a repercussão não será positiva e as críticas vão acontecer. Então, evite polêmicas.

Procure concentrar suas energias em assuntos que valorizem seus produtos e serviços, deixando os assuntos polêmicos para canais de comunicação que têm o objetivo nisso.

Outro ponto que pode gerar desavenças é com relação à forma com que seus seguidores são respondidos. Muitas empresas utilizam respostas prontas para dar um atendimento nas redes sociais. Corra disso!

Os usuários costumam ficar muito bravos com esse tipo de atitude, o que gera uma exposição negativa desnecessária. Opte por ter pessoas que possam te ajudar com esse retorno, evitando esse tipo de situação.

Seu público é importante, leia com atenção a reclamação e questionamento, procurando retornar da forma mais pessoal possível. Isso evita que você tenha problemas posteriores.

E por fim, a utilização do espaço de sua empresa para postagens aleatórias que nada tem relação com o seu segmento. Entenda que quem segue você tem interesse pela sua área de atuação, se você começar a fazer outro tipo de postagem, acabará se expondo de maneira negativa!

Como reverter uma exposição negativa em redes sociais?

Exposição em redes sociais,,

Nas mídias sociais de maneira geral, tudo acontece muito rápido. Uma postagem pode viralizar em poucos minutos e se transformar em um grande problema para sua marca.

A chave para evitar isso é sempre se antecipar e procurar mensurar o que pode acontecer em diferentes tipos de situações. Com isso, você já deve ter um plano B traçado.

São inúmeros os casos na internet, onde certas publicações em redes sociais não “pegaram muito bem” e acabaram gerando indignação nos seguidores. Se isso acontecer com você, não tome nenhuma atitude precipitada. Reúna-se com a equipe e planejem uma forma de reverter a situação.

O primeiro passo sempre será assumir perante à todos que houve um equívoco. Pedir desculpas também será necessário, caso alguém tenha sido afetado por isso. No entanto, é preciso estar ciente de que, por vezes, apenas um pedido de desculpas não basta e você precisará recompensar materialmente seus clientes.

Se isso for necessário, o faça! Isso é pelo bem de sua marca. Por mais que você saia no prejuízo, é melhor deixar sua imagem limpa.

O passo seguinte é tentar nunca mais repetir a situação. Pense milhares de vezes antes de publicar algo. Pergunte a opinião dos demais membros da equipe e procure interpretar de diferentes ângulos a mensagem.

Se você perceber que dá margem para que uma exposição negativa desnecessária ocorra, prefira não publicar. É melhor evitar!

Se você não souber como reverter essa situação, procure ajuda de profissionais que são especializados nesse tipo de ação. Eles são treinados para “apagar incêndios” e podem te auxiliar na missão de sair da situação com o menor prejuízo possível.

É melhor do que tentar algo que vai acabar piorando o que já está bem ruim…

Redes sociais são capazes de acabar com uma marca!

Exposição em redes sociais

É realmente forte o que estamos dizendo, mas as redes sociais são capazes de acabar com a autoridade de uma marca, dependendo do nível de problema que for gerado.

Parece uma besteira, mas os usuários sentem que aquele ambiente é um local de expressividade e não pensam 2x no momento de deixar uma opinião ou comentário à respeito do que os desagradam.

Tome muito cuidado com o que for publicar ali, procurando sempre manter o foco em seus produtos e serviços. Evite temas do momento, política ou assuntos que dividam opiniões.

Você até pode postar isso em seu perfil pessoal, dependendo da ligação que sua imagem tem com seu negócio, mas no perfil corporativo esse tipo de atitude deve ser evitada!

Nenhuma empresa está blindada desse tipo de acontecimento, mas se você puder tomar atitudes antecipadas para evitar, com toda a certeza, será muito melhor.

Deu para entender que a exposição em redes sociais pode ser complicada? Sempre planeje estratégias focadas e tenha um plano B pronto, caso algo dê errado!

Quer nos perguntar algo?

Fique à vontade! Esse espaço é seu!

Esperamos as suas dúvidas!

Facebook vai integrar o WhatsApp – Será o fim do Messenger?

O Facebook sempre está em meio à diversas polêmicas. Uma das mais fortes sempre diz respeito aos seus principais produtos e, claro, a monetização de cada um deles.

Recentemente, nós, aqui do Mestre do Adwords, trouxemos um conteúdo para você sobre a possível utilização de publicidade dentro da plataforma de troca de mensagens do qual a rede social mais popular do mundo é responsável, o WhatsApp.

Você se lembra?

Há muitas discussões à cerca disso, inclusive, equipes especializadas que afirmam terem visto mudanças no posicionamento dos responsáveis pelas redes quanto à monetização.

O Facebook que jurava nunca mexer com anúncios voltados ao WhatsApp, realmente, passou a rever essa questão.

E parece que mais um passo rumo à essa nova realidade está sendo dado!

Não está sabendo de nada?

Bem, ao que tudo indica, o Facebook vai integrar o WhatsApp à sua plataforma!

Com essa pauta vindo à tona, é claro que muito se especula sobre um possível fim do Messenger. Será?

Vem descobrir mais sobre esse assunto que, com certeza, vai dar muito o que falar e, inclusive, pode impactar as suas estratégias como profissional do mercado digital, especialmente, no setor do marketing.

Não fique parado aí, pois quando decidir agir, pode ser tarde demais!

Facebook vai integrar o WhatsApp.

Os anúncios do Face Ads com botão para o WhatsApp

Se você nos acompanha, já deve estar por dentro desse assunto. Até porque, nós falamos sobre a novidade assim que ela foi descoberta.

Apesar disso, precisamos refrescar a sua memória, pois assim você conseguirá fazer ligações importantes para entender a evolução dessa integração que está sendo falada por muitos nesse momento.

Há alguns meses, mais uma nova polêmica envolvendo Mark Zuckerberg e seu time começou a vir à tona.

Tratava-se da descoberta de uma atualização no Ads, ou seja, sua plataforma de anúncios.

Nela, alguns usuários perceberam um novo botão, mas não se tratava de qualquer um, era um botão para chamada do WhatsApp.

A partir dele, tornava-se possível que o potencial cliente entrasse em contato diretamente pelo WhatsApp do anunciante.

É claro que isso reacendeu o debate quanto a possibilidade de monetizar o aplicativo de mensagens mais famoso do mundo.

Antes que você pense ou diga que isso aconteceu sem motivo ou por questões rasas, que os usuários gostam de reclamar, saiba que dessa vez não foi bem assim.

É que como se não bastasse o botão de chamada, na mesma ocasião, o Facebook havia acabado de anunciar mudanças no “Whats”, informando que perfis de empresas seriam verificados, teriam conversas impossíveis de serem apagas, privilégios para serem encontradas diretamente na busca do app…

Além, é claro, da possível apresentação de um aplicativo exclusivo para marcas. O WhatsApp para Negócios.

  • Já está conseguindo ver que essa história de integração de Facebook e WhatsApp não começou agora?
  • Que os capítulos anteriores mostram toda uma trama importante?

Pois é… Muita gente também começou a ter dúvidas sobre o futuro do Messenger, já que ele tem praticamente as mesmas funções que a outra rede social e não está recebendo tanta atenção quanto o seu “rival”.

Facebook vai integrar o WhatsApp

Será que as especulações estão certas?

Não arrisque uma opinião ainda, veja a seguir informações sobre o assunto!

WhatsApp Será o Novo Messenger do Facebook?

Quem acompanha a trajetória da rede social mais popular do mundo sabe que toda vez que os responsáveis pelo Facebook Adquire um novo produto para a sua cartela, há um grande esforço para que eles se integrem.

Muitas vezes, não literalmente, mas isso já aconteceu de forma mais light com o Instagram, por exemplo.

O WhatsApp foi um grande investimento de Zuckerberg, custando U$22 bilhões de dólares para a sua empresa em 2014.

Óbvio que um investimento desse porte não poderia ficar de fora dos planos da companhia, correto?

Após diversos testes diferentes ao longo dos anos, inclusive, levantando suspeitas sobre compartilhamento de dados dos usuários entre plataformas, como Facebook, Instagram e WhatsApp, negada pelos responsáveis, parece que a integração vai acontecer, com forte risco para a continuidade do Messenger.

Enfim, após relatos de diversos usuários sobre sugestões de amizade com perfis do Facebook que estavam relacionadas diretamente ao WhatsApp, ao que tudo indicado testes padrões estão sendo feitos.

Isso quer dizer que, alguns estão recebendo a atualização, especialmente usuários do aplicativo para androide, outros ainda não têm conhecimento do que se trata na prática.

Inclusive, o perfil da Lu, do Magazine Luíza, fez um material falando da possível atualização, ainda não confirmada oficialmente pelo Facebook.

Será que a Lu é uma das escolhidas para testar a novidade?

Facebook vai integrar o WhatsApp..

O que Esperar da Possível Integração do Facebook com WhatsApp?

O que talvez você esteja se perguntando no momento é o que muda com mais essa atualização, certo?

De maneira básica e direta, parece que muito em breve os usuários da rede social poderão utilizar o WhatsApp sem sair do Facebook, como se o aplicativo tomasse o lugar do Messenger.

Pelo menos, é o que alguns usuários do Androide indicam. O que não é de se duvidar, já que há uma função parecida de interligação entre o Facebook e o Instagram.

Se você nunca viu ou utilizou, basta logar na sua conta do Facebook, ir na barra de menu, na lateral direita superior, clicar no seu perfil do Instagram e abri-lo diretamente.

Segundo informações não oficiais, em breve, o WhatsApp também será listado ali. O que tornará mais fácil a navegação entre os aplicativos, com alternações simples e dinâmicas.

Basicamente, você não vai mais precisar sair de um aplicativo, rodar todo o seu celular até encontrar o outro para, então, acessá-lo.

É uma mudança simples, mas que pode guardar muitas previsões…

De maneira geral, as perguntas que ficam são:

  • Será o fim do Messenger?
  • O que essa mudança significa para a experiência do usuário?
  • A publicidade terá lugar também do WhatsApp?
  • As estratégias de marketing ganharão um upgrade com essa integração?

Nos resta esperar o que vem por aí, sempre de olhos bem abertos!

E, você, qual a sua opinião sobre o assunto?

Até logo!

Forte Abraço.

Como usar o Adwords para captar potenciais clientes com pressa?

Sabemos que atualmente, um dos bens mais preciosos de todas as pessoas é o tempo.

Todo mundo busca ter mais tempo, seja para fazer o que gosta com os amigos e a família, seja para render mais no trabalho ou simplesmente para descansar.

A verdade é que vivemos em um mundo de escassez de tempo, tanto que essa busca reflete também no mercado de marketing.

Já percebeu que as campanhas de maior sucesso são aquelas que traz facilidades, objetividade, proporcionando uma otimização do tempo para os usuários?

Com certeza, se você pertence à esse mundo, já ouviu dizer que não fazer o seu público perder tempo é crucial para obter resultados positivos.

Pois é, isso não é especulação, é a mais pura verdade!

Tanto que pesquisas da Google, já mostraram que os usuários não esperam mais que alguns segundos para que uma página carregue. E que a cada segundo que ele é obrigado a esperar, cerca de 20% das suas chances de converter vão embora.

Isso não pode ser coincidência, concorda?

  • Mas, o que fazer para conquistar esses potenciais clientes que sempre estão com pressa?

Bem, é o que nós, do Mestre do Adwords, iremos lhe mostrar hoje. Preparamos um conteúdo completo para lhe ajudar a alcançar esse objetivo.

Veja como usar o Adwords para captar potenciais clientes com pressa e converta mais!

Não desperdice seu tempo e comece a adquirir mais esse conhecimento agora!

Como usar o Adwords para captar potenciais clientes com pressa

Quais são as características principais dos potenciais clientes com pressa?

Antes de falarmos da solução ideal oferecida pelo Adwords para captá-los, precisamos falar sobre quais são as principais características que os definem.

Afinal, só assim, você terá certeza de que está diante de um potencial cliente apressado e deverá aplicar o que lhe ensinaremos em breve.

Para começar, é importante que você saiba que os potenciais clientes com pressa estão em toda a parte.

Eles não fazem parte mais, apenas, do grupo que frequenta as lojas físicas. Agora, eles estão massivamente na internet, querendo uma solução perfeita para as suas dores, se possível, para ontem.

Ele é aquele usuário que faz uma pesquisa na internet e quer que a resposta exatamente como ele procura, esteja no topo. Visível e facilmente acessível.

Assim como comentávamos no começo, esse tipo de comportamento não faz mais simplesmente parte de um traço de personalidade, e sim do cenário em que estamos inseridos.

Por isso, é impossível dizer que os clientes com pressa podem ser enquadrados dentro de alguns dados demográficos, geográficos ou qualquer outro grupo definido de maneira genérica.

Nesse sentido, o momento que ele vive ou o cenário em que está inserido pode contribuir mais para que ele tenha pressa.

Por exemplo, os potenciais clientes que fazem buscas específicas ou que tentam encontrar uma solução local, têm maior probabilidade de estarem com pressa.

Quer um exemplo mais particular?

  • Suponhamos que você tem uma empresa de serviços de reparação.
  • Imagine que seu anúncio foi acionado por duas pesquisas.
  • A primeira foi através dos termos “Eletricista especializado em SP” e a segunda foi “Eletricista 24h para reparos emergenciais”.

Qual você acredita que é o cliente com mais pressa?

Obviamente, o segundo. Mas porque é muito provável que algum “acidente” inesperado tenha ocorrido em sua residência, por exemplo.

Então, ele precisa da solução o quanto antes!

Percebe o quanto a situação também manda na urgência, na pressa de um potencial cliente?

E o quanto é possível detectar a pressa por meio das buscas?

Depois de saber tudo isso, você deve estar se perguntando agora…

Como usar o Adwords para captar potenciais clientes com pressa.

Afinal, como usar o Adwords para captar potenciais clientes com pressa?

Para começar, você deve ter em mente que um potencial cliente com pressa, inclusive, está em estado de paciência abaixo de zero. Então, ele não quer esperar, nem ficar dando voltas até encontrar uma solução.

Por isso, nada de fazer com que ele tenha que clicar em diversos locais, preencher um formulário enorme, esperar uma ligação com o orçamento, até que você resolva atendê-lo.

Dessa forma, você entregará seu potencial cliente de bandeja para o seu concorrente mais rápido.

Então, como fazer para captá-lo? Já que disponibilizar o site para que ele entre em contato não é o bastante nesse momento?

Pense um pouco…

Quando você está com muita pressa, precisando falar com alguém que resolva uma situação urgente, o que você, geralmente, faz?

Liga, não é? Assim você conversa diretamente com a pessoa e resolve tudo o mais rápido possível.

Mas, provavelmente, o cliente não terá seu número salvo na lista de contatos e ele também não vai até o seu site para pegar nessas horas.

É bem nesse momento que a solução do Adwords se apresenta, garantindo que você capte esse usuário.

Sabe qual é o nome dela? Anúncios Só para Chamadas.

Já ouviu falar?

Como usar o Adwords para captar potenciais clientes com pressa..

Como os Anúncios Só Para Chamadas Me Ajuda Captar Clientes com Pressa?

Dentre os diversos formatos de anúncios da plataforma de links patrocinados do Google, está o “Anúncios Só para Chamadas”.

Trata-se de um formato ideal para conseguir captar aqueles usuários sem tempo à perder, que precisam de uma solução rápida, devido à urgência do cenário que estão vivenciando.

O recurso é bastante simples, ele resolve o fato que nos referíamos no tópico anterior.

  • Como fazer com que o cliente entre em contato via telefone com sua marca, se ele não tem o seu número e muito menos tem tempo de entrar no seu site para pegar?

Simples! Basta que você crie um anúncio só para chamadas, onde o cliente que fizer a pesquisa diretamente dos seus smartphones, podem, com apenas um clique, iniciar a ligação.

Isso mesmo! O potencial cliente com pressa não será levado ao seu site quando clicar no link, ele fará a ligação para o seu número.

Não quer ou não pode receber ligação à qualquer hora?

Tudo bem! À partir da configuração da campanha, você pode definir data e horário específicos para o seu anúncio ser exibido.

Viu como é simples?

Esperamos ter lhe ajudado!

Dúvidas? Mande sua pergunta para nós!

Forte Abraço.

6 Sacadas para ter um público mais conectado com sua marca

Sabemos que se conectar com seu público alvo é algo imensamente importante para que as conversões aconteçam.

Afinal, sem uma relação próxima, sem a identificação por parte dos leads com a sua marca, não há como atrair, se quer, leads qualificados.

Obviamente, construir um relacionamento não é algo simples, afinal, você precisa avaliar as diferentes variáveis do seu negócio e, claro, do público que pretende atingir.

No entanto, há ações que servem como chave-mestras para a maioria dos negócios, ajudando a chegar à esse objetivo com sucesso.

Por isso, hoje, nós do Mestre do Adwords, queremos lhe entregar 6 sacadas para ter um público mais conectado com a sua marca, o que consequentemente, elevará os resultados do seu negócio.

Não perca tempo, aproveite as informações para conquistar mais clientes e vendas a cada dia!

6 Sacadas para ter um público mais conectado com sua marca

1ª Sacada – Estude Seu Público Antes de Se Comunicar com Ele

Não importa que tipo de público você tem, para fazer com que ele se aproxime do seu negócio e se identifique com a sua marca, gerando uma forte conexão, é preciso saber quem ele é.

Isso porque não adianta ter uma estratégia poderosa em mãos, se você não sabe se ela está adequada ao seu público.

Por isso, antes de tentar se comunicar, seja para engajar, informar ou impulsionar o seu alvo à conversão, estude a persona da sua marca.

Procure descobrir e definir muito bem as necessidades apresentadas por eles, as dores, os desejos, o comportamento e quais assuntos os interessam.

Além disso, entenda se ele tem poder de aquisição e decisão sobre consumir o seu produto.

Após extrair o máximo de informações, aí sim, comece a traçar uma estratégia que vá de encontro com o perfil desse público.

Dessa forma você garante que o seu tempo está sendo investido na pessoa certa, em quem vai se conectar com a sua marca e tem um potencial verdadeiro de no futuro se tornar seu cliente.

2ª Sacada – Tenha um Planejamento Estratégico Com Etapas Bem Estabelecidas

Óbvio que você terá que ter um comportamento próximo ao que o seu cliente ideal espera.

Quando falamos sobre planejamento estratégico com etapas bem estabelecidas, nos referimos à um cronograma organizacional sobre como serão realizadas fases importantes da construção dessa relação.

A padronização nesse caso é positiva, pois impacta somente processos para que não se perca o acompanhamento do cliente ao longo de suas trajetórias de consumo.

Não é para você ser um robô, tornando a experiência ruim por não ter qualquer traço de personalização.

A ideia é ter um processo padrão, definindo o que precisa ser feito desde o primeiro contato, até o pós-venda.

Por exemplo, para conectar o público com a sua marca, o processo precisa respeitar:

  • A identificação do público.
  • O contato inicial.
  • A conexão por meio de conteúdos e informações relevantes.
  • A aproximação e a exploração dessa relação.
  • A apresentação de uma solução.

Enfim, um planejamento para que o seu negócio tenha ações assertivas sempre, sem perder o foco, otimizando os processos, o tempo e, claro, os resultados.

3ª Sacada – Escute Bastante o Seu Público Alvo

Um bom início de comunicação, que se torna depois uma relação próxima, com conexões fortes, precisa ser estabelecida sob a prática da audição.

Para que você faça um bom trabalho, trazendo seu público para o mais perto possível da sua marca, é necessário escutá-lo bastante. Inclusive, antes mesmo de oferecer qualquer solução.

Isso porque você só poderá ser assertivo nesse “aconselhamento” se, realmente, entender o que ele precisa.

Uma boa relação só se torna real quando você sabe falar, mas também ouvir. Quando se trata de fechar negócios, essa habilidade de ser um bom ouvinte precisa ser ainda mais desenvolvida.

Não tenha pressa de gerar conversões, elas serão muito mais recorrentes se você tiver o cuidado de entender o cenário antes de proferir benefícios e ofertas, por exemplo.

4ª Sacada – Tenha uma tecnologia para guardar informações do seu público

As plataformas de CRM é uma grande solução para essa necessidade. Afinal, elas são capazes de não só guardar informações importantes dos seus clientes, mas de organizá-las e torná-las acessíveis sempre que desejar.

Quando você lida com clientes todos os dias, muitas vezes, é impossível se lembrar de tudo automaticamente.

Nesse aspecto, onde é preciso entender perfeitamente o alvo, ter essas informações frescas e acessíveis é mais do que necessário.

Por isso, tenha uma tecnologia para guardar informações do seu público, pois dessa forma ficará mais simples para executar toda a estratégia, em cada fase, sem falhas.

6 Sacadas para ter um público mais conectado com sua marca..

5ª Sacada – Não Seja Um Robô

Anteriormente, falamos sobre o assunto, mas é um ponto tão importante que é necessário abordarmos de forma um pouco mais profunda.

Você já deve saber que ninguém gosta de ser atendido por um robô, de forma tão padrão que parece que todo mundo é igual.

Não adianta, para gerar conversões, você terá que ser mais humano, oferecendo soluções personalizadas.

Daquelas que o seu cliente se sente único, que lhe agradece por ter sido apresentado à algo que ele precisava de forma tão exata.

É, por isso, que é tão importante estudar o lead, escutá-lo e ter todas as informações descobertas e fornecidas por ele, acessíveis e organizadas.

6ª Sacada – Mantenha a comunicação mesmo depois da conversão

É de extrema importância continuar se comunicando com seu cliente após a conversão.

Isso porque essa ação faz com que o alvo não se afaste da sua marca, além de ele ter a certeza que continua sendo importante para seu negócio.

Claro, é necessário oferecer relevância nesse contato. Então, invista em ações para ajudá-lo em caso de dúvidas sobre o item que adquiriu ou no envio de conteúdos que enriqueça a experiência dele.

Pratique o melhor do Follow Up e você verá que o seu público estará ainda mais conectado com a sua marca. Lembrando de você sempre que uma nova necessidade surgir.

 

Para finalizar, não se esqueça de sempre avaliar a sua estratégia, se ela está trazendo resultados positivos e se pode ser melhorada.

Ter uma análise crítica sob esse aspecto só lhe impulsionará ao topo com mais rapidez e solidez.

Esperamos ter ajudado! Dúvidas? Mande sua pergunta para nós.

Forte Abraço.